Fonte: OpenWeather

    Justiça


    "Minha mãe morreu no lugar de um bandido", lamenta filha em Manaus

    Familiares da avó que morreu baleada por bandidos para salvar neto de um ano, pedem providências das autoridades

     

    Ela foi baleada ao proteger o neto, de apenas um ano de idade, durante um tiroteio na tarde de quinta-feira (26), na rua São Marcos, bairro Cidade de Deus, na Zona Norte, ao ter a casa invadida por criminosos.
    Ela foi baleada ao proteger o neto, de apenas um ano de idade, durante um tiroteio na tarde de quinta-feira (26), na rua São Marcos, bairro Cidade de Deus, na Zona Norte, ao ter a casa invadida por criminosos. | Foto: Divulgação

    Manaus – Sofrimento e muita revolta são os sentimentos da família da dona de casa Maria Barroso da Silva, de 38 anos, que morreu na madrugada desta sexta-feira (27), após lutar pela vida no Hospital e Pronto-Socorro Platão Araújo, na Zona Leste de Manaus. 

    Ela foi baleada ao proteger o neto, de apenas um ano de idade, durante um tiroteio na tarde de quinta-feira (26), na rua São Marcos, bairro Cidade de Deus, na Zona Norte, ao ter a casa invadida por criminosos em fuga de uma facção rival. Agora, os familiares clamam por Justiça e pedem que o crime não caia no esquecimento. 

    “Mais uma vez uma família foi destruída.. A minha mãe não tinha nada haver com isso. Ela faleceu hoje, às 3h da madrugada e foi vítima para salvar meu filho. É uma coisa muito doida. Hoje, foi minha família e, amanhã, pode ser qualquer uma. Eu quero só justiça. O que é que eu vou fazer daqui para frente?”, disse a filha da vítima, Ana Paula Silva.

    Visivelmente abalada, a jovem prossegue. “A gente só pode fazer o velório, lamentar e pedir Justiça. Eles não respeitam mais ninguém (os bandidos). A minha mãe era uma pessoa muito boa e sempre tentou ajudar os outros. O meu filho era tudo para ela. Ela preferiu morrer e deixar meu filho. Minha mãe morreu no lugar de um bandido. Estou aqui no IML esperando o corpo da minha mãe para velar mais tarde. Nos ajudem a procurar essas pessoas que fizeram isso com a minha mãe”, apelou.

     

    Ana Paula Silva, filha da vítima, pede Justiça.
    Ana Paula Silva, filha da vítima, pede Justiça. | Foto: Divulgação

    Relembre o caso

    Conforme a equipe da 30ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), três homens invadiram a casa da vítima no momento em que fugiam de um ataque criminoso realizado por integrantes de uma facção rival.

    Os suspeitos conseguiram alcançar os alvos e entraram na casa da doméstica, que estava cozinhando para a família. Na ação, um homem, ainda não identificado, foi executado dentro da residência. Um outro acabou baleado e Maria foi atingida nas costas ao proteger o neto de um ano no meio do fogo cruzado. 

    O corpo de Maria deve ser sepultado na tarde sexta-feira (27), no bairro Cidade de Deus, na Zona Norte. O crime será investigado pela equipe da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

    Acompanhe a live com a filha da vítima: 

    Dona de casa morre após ter casa invadida durante tiroteio e família pede Justiça | Autor: Portal Em Tempo
     

    Leia mais: 

    Vó baleada ao proteger neto em tiroteio morre em hospital de Manaus

    Ataque no Jorge Teixeira deixa duas pessoas baleadas e um morto

    Mulher é decapitada e tem partes do corpo jogadas em rua de Manaus