Fonte: OpenWeather

    Execução


    Motorista de app é executado com mais de 15 tiros em Manaus

    Os criminosos teriam chegado em dois veículos, invadiram a casa do motorista e o executaram

     

    O corpo foi removido pelo IML
    O corpo foi removido pelo IML | Foto: Divulgação

    MANAUS - De forma cruel, o motorista de aplicativo Thiago José Pinto da Cunha, de 39 anos, foi executado na madrugada desta quarta-feira (1°), após ser surpreendido por "pistoleiros" na quitinete onde ele morava na rua Dario Melo, na comunidade São Lucas, no bairro Tancredo Neves na Zona Leste de Manaus.

    Testemunhas informaram à polícia que o homem morava sozinho e havia se mudado há poucos meses para o lugar. Os criminosos teriam chegado em dois veículos, invadiram a casa da vítima e a executaram. 

    O local foi isolado pela Polícia Militar e as demais equipes competentes foram acionadas para atuar na ocorrência. A equipe do Departamento de Polícia Técnico-Científica identificou mais de 15 tiros na e realizou os registros fotográficos no lugar. Munições foram recolhidas. 

    O corpo de Thiago foi removido e encaminhado à sede do Instituto Médico Legal (IML), onde irá passar por exame necroscópico, antes de ser liberado para os familiares. 

     A motivação do crime e autoria ainda permanecem desconhecidas. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) deve apurar o perfil da vítima para definir linhas de investigação e chegar até aos criminosos.

    Leia mais:

    Homem é morto a tiros no Jorge Teixeira, em Manaus

    Flordelis aparece abatida e sem peruca em foto no presídio

    Homem é executado com mais de 30 tiros de fuzil ao sair de festa