Fonte: OpenWeather

    PRISÃO


    Mulher que estava foragida por tráfico de drogas é presa em Manaus

    Jorgiete Santos Vieira estava foragida desde a expedição do seu mandado de prisão em 2019

     

    A prisão ocorreu no bairro Zumbi dos Palmares
    A prisão ocorreu no bairro Zumbi dos Palmares | Foto: Divulgação

    Manaus (AM) - Na quarta-feira (1°), por volta das 11h50, a Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio das equipes do 25º Distrito Integrado de Polícia (DIP), prendeu Jorgiete Santos Vieira, 45, pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

    A prisão ocorreu na rua Padre Marcelino, beco Bom Jesus, bairro Zumbi dos Palmares, zona Leste da capital.

      De acordo com o delegado Leonardo Marinho, titular do 25º DIP, a mulher havia sido presa em flagrante no ano de 2012.  

    Nessa ocasião, os policiais realizaram diligências após receberem informações de uma movimentação suspeita e típica do tráfico de drogas no bairro São José Operário, também na zona Leste.

    "

    Durante diligências, os policiais realizaram a prisão de um indivíduo e apreenderam quantidade significativa de cocaína, e ao interrogar o homem, ele relatou que fazia a venda das drogas. O infrator também informou que Jorgiete e terceiros, que tinham certo nível de organização e eram ligados por laços de parentesco, coordenavam a atividade ilícita. "

    Leonardo Marinho, delegado

     

    A autoridade policial explicou que Jorgiete foi presa e condenada em 2ª instância a 10 anos de reclusão, em regime inicialmente fechado, por tráfico de drogas e associação para o tráfico, mas estava foragida desde a expedição da ordem judicial, no dia 19 de março de 2019.

    O delegado pede a população que formalize denúncias de localização de foragidos e quaisquer fatos ilícitos da área de abrangência do 17° DIP pelo número (92) 99962-2300 (WhatsApp), da unidade policial, ou pelo 181, da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-AM), informando as características e local do fato.

    "

    A identidade será preservada. "

    Leonardo Marinho, delegado

     


    Procedimentos

    Jorgiete foi condenada a 10 anos de reclusão em regime fechado. Ela será encaminhada à Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde ficará à disposição do Poder Judiciário.

    Leia mais:

    Policiais prendem 10 pessoas no interior do AM nas últimas 24 horas

    Preso casal que esfaqueou motorista de app durante assalto em Manaus

    PF apreende em Natal cocaína em lataria de carro que saiu do Amazonas