Fonte: OpenWeather

    Homcídio


    Homem é executado com 11 tiros no Puraquequara, Zona Leste de Manaus

    Ao ouvirem os tiros, os comerciantes da área fecharam as portas com medo da violência

    Mesmo com o receio de se envolverem diretamente nas denúncias, alguns moradores reclamam da "onda de violência" que invadiu o Puraquequara
    Mesmo com o receio de se envolverem diretamente nas denúncias, alguns moradores reclamam da "onda de violência" que invadiu o Puraquequara | Foto: Divulgação

    Manaus (AM) - Um homem, até o momento não identificado, foi executado com 11 tiros na rua 04, Puraquequara, Zona Leste de Manaus, na tarde desta segunda-feira (06).

    De acordo com informações de populares, vários disparos foram ouvidos por volta das 12h30 e, quando chegaram ao local, o corpo do homem já estava no chão. Os atiradores conseguiram escapar sem serem identificados.

      Dos 11 tiros, alguns atingiram a cabeça da vítima. Ao ouvirem os tiros, os comerciantes da área fecharam as portas com medo da violência. Uma equipe da 28ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) foi acionada e isolou o local.  

    "Aqui, o pessoal prefere a lei do silêncio. Eu acho até que teve gente que viu quem foi, mas, como sempre, ninguém vai falar nada", disse um morador que não quis ter o nome divulgado. Equipe da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) também esteve no bairro. 

    Medo

    Mesmo com o receio de se envolverem diretamente nas denúncias, alguns moradores reclamam da "onda de violência" que invadiu o Puraquequara. 

    "

    A gente já tinha medo de sair de noite, agora tudo está ficando pior. Daqui até a esquina, matam uma pessoa. Essa região é recheada desse negócio de tráfico também "

    comerciante,

      

    Outra residente do bairro, que também preferiu não se identificar por medo de represálias, reforçou a situação de insegurança. 

    "Não dá mais. Ficam acertando as contas deles, mas botam nossas vidas em risco com tiros a torto e a direito", desabafou. 

    O caso será investigado pela DEHS. No local do crime, agentes do Instituto Médico Legal (IML) também foram acionados e fizeram a remoção do corpo. 


    Leia mais:  

    Irmãos adolescentes são executados a tiros no Puraquequara

    Homem tenta correr, mas é executado a tiros no Colônia Antônio Aleixo

    Pistoleiros invadem casa e matam jovem a tiros em Manaus