Fonte: OpenWeather

    'Operação Luz da Infância'


    27 pessoas são presas em operação por exploração infantil na internet

    Além das prisões no Brasil, há pessoas de outros países envolvidos no esquema de exploração infantil

    A operação cumpre 137 mandados de busca e apreensão
    A operação cumpre 137 mandados de busca e apreensão | Foto: Getty imagens

    Vinte e sete pessoas foram presas nas ações da Operação Luz da Infância 7, deflagrada nesta sexta-feira (6) pelo Ministério da Justiça (MJ) e polícias civis de 10 estados.

    Segundo o MJ, 10 delas foram em São Paulo; oito em Santa Catarina; três no Pará; e três no Paraná. Alagoas, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul contabilizam até o momento uma prisão, cada.  

    A operação cumpre 137 mandados de busca e apreensão em dez estados (AL, CE, GO, MT, PA, PR, RJ, RS, SC e SP).

    Há também frentes de ações na Argentina, Panamá, Paraguai e Estados Unidos. Segundo o MJ, nos EUA há medidas sendo cumpridas nas cidades de Knoxville, Nashville, Dallas, Raleigh e Pittsburgh.

    A Operação Luz da Infância 7 foi deflagrada com o objetivo de identificar autores de crimes de abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes praticados na internet no Brasil e em quatro outros países.

    No Brasil, a legislação prevê pena que varia de um a quatro anos para quem armazena esse tipo de conteúdo.

    O compartilhamento de materiais desse tipo pode resultar em penas de três a seis anos; e, no caso de produção de conteúdo relacionado a crimes de exploração sexual, a pena varia de quatro a oito anos de prisão.

    *Via Agência Brasil

    Leia mais:

    Homem é atropelado e morre na AM- 070

    Parintins é considerada uma das cidades mais felizes do Brasil