Fonte: OpenWeather

    Ação Policial


    Vídeo mostra momento que policiais atiram em jovens negros

    Os jovens são chutados, arrastados e, horas depois, encontrados mortos

    | Foto: Divulgação

    Câmeras de segurança mostram o momento em que dois jovens foram violentamente abordados pela Polícia Militar, em Belford Roxo, município da Baixada Fluminense, no Rio de Janeiro.

    Edson Arguinez Júnior, 20 anos, e Jordan Luiz Natividade, 17, estavam em uma moto em movimento quando dois PMs dispararam contra eles. Os dois caíram no chão e não reagiram. Os jovens são chutados, arrastados e, horas depois, encontrados mortos.

    O porta-voz da PM, major Ivan Blaz, admitiu, nesta segunda-feira (14), que a abordagem dos agentes foi “extremamente errada”.

    “Infelizmente, esses jovens policiais colocaram suas carreiras em risco por conta de uma ação extremamente errada. Quem tem um mínimo de conhecimento sabe que as abordagens nem sempre são perfeitas. É um momento tenso. Porém, a conduta na condução dessa ocorrência foi completamente errada. Não houve qualquer forma de comunicação para os seus superiores. E, mesmo assim, mesmo se tivesse havido, por tudo aquilo que nós vimos, não era possível que essa ocorrência fosse ignorada”, afirmou, em entrevista.

    Versão dos policiais

    Durante depoimento, os dois policiais afirmaram que o piloto da moto perdeu o controle e eles caíram, e que não houve nenhum disparo. Um deles, cabo Júlio César, relatou que os jovens foram algemados para serem encaminhados à delegacia.

    Ainda na oitiva, eles disseram que uns 40 metros depois resolveram liberá-los porque concluíram que nem as vítimas nem o veículo tinham problemas.

    Veja o vídeo


    Leia mais:

    Bandidos invadem mais uma agência bancária e furtam armas no Amazonas

    Mulher é presa em Manaus antes de levar drogas para 'Anão', no Compaj

    Em Coari, casal é preso com ouro avaliado em quase R$ 9 mil