Fonte: OpenWeather

    Violência


    Vídeo: MP pede exame de insanidade mental para suspeito de matar amiga

    Em um vídeo gravado logo após a prisão, o acusado aparece rindo da situação e afirmando que cometeu o crime 'porque quis'

     

    Ele e Ingrid teriam se conhecido há um mês pela internet, jogando games online juntos
    Ele e Ingrid teriam se conhecido há um mês pela internet, jogando games online juntos | Foto: Reprodução

    O Ministério Público pediu exame de insanidade mental para Guilherme Alves Costa, de 18 anos, rapaz que confessou ter assassinado Ingrid Oliveira Bueno da Silva, 18, na última segunda-feira (22), na casa onde Guilherme morava no bairro de Pirituba, na zona norte de São Paulo. O promotor Fernando Cesar Bolque do 5º Tribunal do Juri destacou que a vítima foi morta de forma cruel.

    Relembre o caso:

    Gamer mata amiga na vida real após ela desistir de pacto; veja

    Além de determinar a realização do exame de insanidade mental, ele pediu a quebra do sigilo telefônico de Guilherme. Em um vídeo gravado logo após a prisão, o acusado aparece rindo da situação e afirmando que cometeu o crime "porque quis". 

    Ele e Ingrid teriam se conhecido há um mês pela internet, jogando games online juntos. A vítima foi à casa do amigo para uma partida e acabou surpreendida por Guilherme, que a feriu com várias facadas na barriga e no pescoço.

    O suspeito foi denunciado pelo Ministério Público por homicídio duplamente qualificado por motivo torpe e uso de meio cruel. Caso condenado, ele poderá pegar de 12 a 30 anos de prisão.

    Veja a reportagem:

    Leia mais:

    Vídeo: mais de 150 pessoas são apreendidas em festa clandestina no AM

    Força Tática detém quatro homens por posse ilegal de arma de fogo