Fonte: OpenWeather

    Surto


    Com 10 tiros, soldado é morto por policiais após surto psicótico; veja

    Foram quase quatro horas de negociação. Ferido por pelo menos 10 tiros, o agente morreu no hospital

     

    Agente baleado durante um surto psicótico
    Agente baleado durante um surto psicótico | Foto: Divulgação

    O soldado Wesley Soares Goés morreu na noite de domingo (28) após ser baleado durante um surto psicótico no farol da Barra, em Salvador (BA).

    Foram quase quatro horas de negociação com o policial que com um fuzil fez vários disparos para o alto e arremessou grades e bicicletas no mar. 

    De acordo com a Secretaria de Segurança Pública da Bahia, no início da noite  o militar iniciou uma contagem e disparou com o fuzil, durante as negociações. Ferido por pelo menos 10 tiros, o agente foi cercado por agentes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE), sendo encaminhado, posteriormente, ao Hospital. 

    Veja 

    Em vídeo gravado no local, o deputado estadual Marco Prisco (PSC) acusou os policiais de assassinato.

    "Mataram um policial, mataram um trabalhador. Até quando vocês vão aceitar isso? Mataram um policial, a hora de parar é agora. Eu convoco vocês. Estou pedindo pela o amor de Deus. Mataram um trabalhador, um pai de família, todo mundo viu. O cara foi assassinado"

    A Associação de Policiais e Bombeiros e de seus Familiares do Estado da Bahia (Aspra-BA)  convocou uma assembleia para a manhã desta 2ª feira (29), no Farol da Barra, local onde o militar foi baleado após ter um surto psicótico.

    Em nota, a Secretaria de Segurança afirmou que utilizou todas as técnicas para impedir o confronto. 

    "Os nossos objetivos primordiais são preservar vidas e aplicar a lei. Buscamos, utilizando técnicas internacionais de negociação, impedir um confronto, mas o militar atacou as nossas equipes. Além de colocar em risco os militares, estávamos em uma área residencial, expondo também os moradores", declarou o comandante do Bope, major Clédson Conceição.

    *Com informações do site SBT News

    Leia mais 

    emtempo.com.br