Fonte: OpenWeather

    Investigação


    PF prende suspeito de divulgar pornografia infantil na internet

    Operação Tracciato cumpriu mandado em Porto Velho, Rondônia

     

    As investigações começaram a partir de um relatório
    As investigações começaram a partir de um relatório | Foto: Divulgação

    A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta quarta-feira (7) uma operação para combater a divulgação de imagens e vídeos de exploração sexual de crianças e adolescentes na internet. Batizada de Tracciato, que significa rastreado em italiano, a operação cumpriu mandado de busca e apreensão, expedido pela 7ª Vara Federal de Porto Velho, em residência localizada no bairro Eletronorte, na zona sul da capital de Rondônia.

    As investigações começaram a partir de um relatório, produzido pelo núcleo da PF voltado para a repressão aos crimes de ódio e à pornografia infantil na Internet, e foram realizadas em cooperação polícia italiana.

    De acordo com a PF, durante o cumprimento das buscas, o investigado foi autuado em flagrante pelo delito de armazenamento de imagens e vídeos de exploração sexual infantil.

    “O detido foi levado para a sede da PF em Porto Velho, para procedimentos policiais e, ao final, encaminhado ao sistema prisional estadual, onde permanecerá à disposição da Justiça”, disse a polícia.

    A PF informou ainda que o material era compartilhado pelo investigado por meio de aplicativos específicos e que também apreendeu, no interior da residência, equipamentos eletrônicos que estariam sendo utilizados na prática das condutas criminosas.

    Leia mais

    PF prende homem que baixou arquivos de pornografia infantil

    Deep Web: saiba como os criminosos atuam no mercado negro da internet

    Pedófilo guardava mais de 1,5 mil arquivos pornográficos em Manaus