Fonte: OpenWeather

    Adolescente foge de casa


    PRF encontra menino que fugiu de casa para conhecer amiga de jogo

    Ele confessou que é criado pela avó e que pegou R$ 3 mil do cofre dela para pagar o transporte até Goiânia

     

    A polícia identificou que o garoto viajava sem a companhia de familiares ou autorização judicial
    A polícia identificou que o garoto viajava sem a companhia de familiares ou autorização judicial | Foto: Reprodução PRF


    Goiânia (GO) – Um adolescente de 15 anos foi localizado viajando sozinho, pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), na BR-364, em Jataí, no sudoeste de Goiás, na quarta-feira (18).

    Ele fugiu de casa, em Corumbá (MS), para fazer uma viagem de 3,8 mil quilômetros e conhecer uma garota em Natal (RN). O taxista que o levava foi preso em flagrante.

      De acordo com a PRF, o adolescente foi localizado no KM 195 da BR-364 e viajava como passageiro de um táxi, que foi parado em abordagem de rotina na rodovia.  

    Ao fiscalizar o veículo, a equipe da polícia, então, pediu o documento dos dois e identificou que o garoto viajava sem a companhia de familiares ou autorização judicial.

    Jogo virtual

    Durante a abordagem, segundo a PRF, o adolescente confirmou que havia fugido de casa com destino a Natal, onde encontraria uma garota que ele conheceu por meio de um jogo online.

    O adolescente também disse, segundo a equipe de abordagem, que é criado pela avó e que pegou R$ 3 mil do cofre dela para pagar o transporte até Goiânia.

      Segundo informações repassadas pela PRF, ele também afirmou que seguiria viagem pedindo carona até chegar à capital potiguar.  

    O adolescente foi encaminhado ao Conselho Tutelar de Jataí, e o motorista, à Central de Flagrantes da Polícia Civil na cidade. Ele foi indiciado por transportar o adolescente sem autorização.

    Proibição legal

    O Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) prevê que nenhuma criança ou adolescente menor de 16 anos poderá viajar para fora da cidade onde reside desacompanhado dos pais ou dos responsáveis sem expressa autorização judicial.

    A pena prevista é de multa de três a vinte salários mínimos. O motorista foi liberado, em seguida. O adolescente foi levado aos familiares no MS.

    *Metrópoles

    Leia mais:

    Irmãs adolescentes fogem de Manacapuru e podem estar em Manaus 

    Adolescente foge de casa e deixa bilhete para mãe não procurá-la