Fonte: OpenWeather

    Enterrada e morta


    Jovem é obrigada a cavar a própria cova antes de ser morta em SC

    Os acusados confessaram, de forma fria, que ela foi obrigada a cavar antes de ser morta

     

    A jovem estava desaparecida desde novembro
    A jovem estava desaparecida desde novembro | Foto: Divulgação

    Laguna (SC)- Amanda Albach, 21 anos, foi coagida a cavar a própria cova antes de ser baleada e morrer em uma praia de Santa Catarina.

    Durante coletiva de imprensa desta sexta (3) a Polícia Civil respondeu algumas perguntas a respeito do crime chocante e confirmou a versão de um dos três suspeitos presos. 

    A jovem desapareceu no dia 15 de novembro e foi encontrada enterrada na Praia do Sol, no Sul de SC.

    De acordo com o delegado responsável pelo caso, Bruno Fernandes, Amanda morreu por volta das 22h do feriado da Proclamação da República, 15 de novembro.

      Ainda conforme a polícia, no domingo (14), ela foi para uma festa em um beach club na praia de Jurerê Internacional, em Florianópolis.  

    Na segunda, dia 15 de novembro, voltou para a praia no Sul do Estado e foi morta a tiros por um dos suspeitos.

    A motivação do crime e a ligação entre os suspeitos presos — dois homens e uma mulher — não foi divulgada pela polícia. Segundo o advogado da família de Amanda, Michel Pinheiros, o trio conhecia a jovem.

    Em cova rasa

    No Amazonas, casos de pessoas encontradas em covas rasas marcam a violência no Estado. 

    O corpo de Patrick Cornélio Oliveira, de 25 anos, foi encontrado em uma cova, na rua Nova República, bairro Colônia Antônio Aleixo, zona Leste da capital. O homem estava desaparecido há cinco dias.

    De acordo com o primo da vítima, a família recebeu uma ligação de um número não identificado, informando que corpo de Patrick, estava enterrado em uma floresta nas proximidades da estação de energia elétrica da Comunidade da Fé.

    Leia mais:

    Detento do semi aberto é torturado e morto na Compensa 

    Jovem é amarrada e enterrada para morre em cova no Iranduba 

    Homem é encontrado com crânio esmagado em cova rasa