Fonte: OpenWeather

    Assalto e sequestro


    Motorista da Uber é sequestrado e fica 5 horas preso em porta-malas

    Policiais da 13ª Cicom encontraram carro abandonado em estacionamento com motorista dentro do porta-malas

    Motorista foi encontrado dentro de porta-malas desidratado e abalado psicologicamente | Foto: Divulgação

    Manaus - Um motorista da Uber, de 35 anos, ficou quase 5 horas preso dentro do porta-malas do próprio carro, após ter sido sequestrado por assaltantes na tarde desta segunda-feira (9). Conforme informações de policiais da 13ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), por volta das 13h, dois assaltantes armados abordaram o homem, o colocaram dentro do porta-malas e saíram realizando vários assaltos na cidade.

    Leia também: Notícia de motorista da Uber que assalta clientes em Manaus é falsa

    Policiais da 13ª Cicom foram acionados por volta das 17h45 e encontraram o carro, de modelo HB20, abandonado no estacionamento de uma loja, situada na avenida Autaz Mirim, bairro Cidade Nova, Zona Leste de Manaus. O motorista ainda estava dentro do porta-malas, desidratado e abalado psicologicamente.

    O homem foi orientado pelos policiais a registrar um Boletim de Ocorrência. O caso foi registrado no 15º Distrito Integrado de Polícia (DIP). 

    Assaltos comuns

    Diversos assaltos envolvendo motoristas da Uber já foram registrados no país, e em Manaus não é diferente. Os próprios condutores têm tomado medidas de segurança para evitar os assaltos. 

    Além de manterem grupos no aplicativo WhatsApp, alguns condutores utilizam rádios comunicadores e uma espécie de central para repassar, aos demais profissionais, a localização, características dos passageiros e destino. Assim, quando há qualquer alteração nas informações descritas, os colegas de trabalho tentam contato telefônico com o motorista. Quando não há comunicação, a polícia é informada.

    A própria Uber proporciona algumas informações dos usuários que garantem segurança aos profissionais. Ainda assim, já houve ocorrências onde falsos clientes abordaram e roubaram os profissionais.

    Leia mais:

    Dois homens são presos durante operação contra o fim do tráfico em Manaquiri

    Servidores da receita federal paralisam atividades no Amazonas

    Casal do tráfico é preso com drogas e armas de fogo no Santa Etelvina