Fonte: OpenWeather

    Torturado e morto


    Polícia encontra mais um corpo no Ramal do Brasileirinho nesta quinta

    Esse é o segundo corpo encontrado no local só nesta quinta-feira (26). Em avançado estágio de decomposição e com as mãos amarradas para trás, o homem teria sido cruelmente torturado antes de ser morto

    O corpo foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML) e deve passar por exame de necropsia | Foto: Divulgação

    Manaus - Mais um corpo em avançado estado de decomposição foi encontrado no ramal do Brasileirinho, no Jorge Teixeira, Zona Leste de Manaus. A vítima era do sexo masculino e, possivelmente não foi executada no local. Os policiais receberam o chamado na noite desta quinta-feira (26), por volta das 18h. Esse é o segundo corpo encontrado no local só nesta quinta.

    De acordo com a polícia, a vítima estava com sinais aparentes de tortura, e devido ao estado avançado de decomposição, não era possível sequer identificar o rosto do homem. "Ele estava com uma corda enrolada no pescoço e com as mãos amarradas para trás. Não havia nenhum sinal de perfuração de arma de fogo ou de arma branca", disse um investigador, que preferiu não se identificar.

    Ainda conforme a polícia, o corpo estava em um local de difícil acesso. "A chegada até o cadáver foi complicada, era uma área de muito mato, galhos e muito escura também", completou a autoridade policial.

    O caso foi atendido pelos policiais militares da 30ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom). O crime vai ser investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). O corpo foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML) e deve passar por exame de necropsia.

    Primeiro corpo

    Também na tarde desta quinta, por volta das 15h30, outro corpo de um homem, não identificado, foi encontrado no ramal do Brasileirinho. O homem teria sido morto a pauladas e tijoladas. O material usado no crime estava ao redor do local onde a vítima foi encontrada. A DEHS também vai investigar o crime.