Fonte: OpenWeather

    Homicídio


    Motociclista é assassinado a tiros em rua do tráfico no São Jorge

    Ele estava com a namorada, que não ficou ferida durante a ação. Autor do crime fugiu

    Crime foi na manhã desta quinta-feira (6) | Foto: Josemar Antunes/Em Tempo

    Manaus - Um homem identificado pela polícia como Ítalo Bruno Figueiredo Rodrigues, de 20 anos, foi executado a tiros no fim da manhã desta quinta-feira (6), na rua Humberto de Campos, bairro São Jorge, Zona Oeste de Manaus. A vítima morreu na hora. 

    De acordo com o tenente Ubiratan Rezende, da 21ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), Ítalo chegava na antiga casa, onde morou, acompanhado da namorada, quando um homem já o aguardava.

    A vítima, que pilotava uma motocicleta modelo Yamaha, de cor preta e placa OAF-59**, foi alvejada com vários tiros e morreu no local. A namorada do rapaz baleado não ficou ferida.

    Vítima morreu antes da chegada de uma equipe de socorro
    Vítima morreu antes da chegada de uma equipe de socorro | Foto: Josemar Antunes/Em Tempo

    Após o crime, de acordo com o sargento Carlos Moraes, da 21ª Cicom, o autor dos disparos fugiu em uma motocicleta, de um homem, que foi feito refém na fuga. 

    As informações obtidas pela equipe de reportagem dão conta de que Ítalo Bruno faria entrega de um produto desconhecido no local. O pistoleiro não foi identificado. 

    Para a polícia, o crime pode ter relação com o tráfico de drogas. A suspeita é que ele era envolvido com o crime ilícito. 

    Dezenas de pessoas acompanharam o trabalho da polícia e da perícia no local
    Dezenas de pessoas acompanharam o trabalho da polícia e da perícia no local | Foto: Josemar Antunes/Em Tempo

    A perícia criminal do Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC) foi acionada. Ao término dos procedimentos de perícia, o corpo será removido ao Instituto Médico Legal (IML). O local onde a vítima foi morta, segundo a polícia, é uma região dominada pelo tráfico de drogas.

    Leia mais:

    Sobrinho mata tio embriagado após ser atacado em Rio Preto da Eva

    Professor agredido na Zona Leste de Manaus morre em hospital

    Assassino de advogado diz estar arrependido; OAB-AM parabeniza polícia