Fonte: OpenWeather

    Centro de Manaus


    Briga de moradores de rua por objetos roubados acaba em morte, diz PM

    Homicídio aconteceu próximo à Praça da Matriz, no Centro, Zona Sul de Manaus. Autor do crime foi preso

    À esquerda (camisa azul) autor do crime e o morador de rua assassinado | Foto: Divulgação

    Manaus - Um morador de rua, um homem de 30 anos, morreu depois de uma briga com facas no fim da noite de terça-feira (11), na Praça da Matriz, bairro Centro, Zona Sul de Manaus. Segundo informações obtidas com a Polícia Militar (PM), a vítima não quis dividir itens roubados com o autor do crime e, por esse motivo, foi esfaqueada no peito. 

    O crime ocorreu, segundo o policial supervisor de área da 24ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), que preferiu não se identificar, por volta das 22h30. Uma viatura policial estava próxima ao local, quando a briga teve início. 

    "Ele ainda conseguiu vir até a viatura, para pedir ajuda depois que levou o golpe. A equipe saiu a procura do suspeito, um homem de 33 anos. Detido durante perseguição, os policiais o levaram à Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS)", informou o policial. 

    Segundo um delegado da DEHS, que preferiu não se identificar, a vítima conseguiu ver o homem detido pela PM e o confirmou como autor do crime. "Outras testemunhas no local também confirmaram a autoria do crime", explicou a autoridade policial. 

    Uma unidade do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) atendeu a vítima e a levou ao Serviço de Pronto Atendimento (SPA) do São Raimundo, na Zona Oeste, onde o homem não resistiu aos ferimentos. O policial da 24ª Cicom ainda informou que testemunhas informaram que o homem era morador de rua. 

    "Quem estava na rua disse que ele era mendigo e não queria dividir o que tinha roubado com o seu colega. Foi quando eles se desentenderam e partiram para a briga. O homem que morreu possuía um mandado de prisão em aberto por furto qualificado", completou. 

    Por volta de meia-noite, o autor do crime foi apresentado na DEHS, onde continua preso até esta manhã. A PM não soube informar se ele já havia sido preso outras vezes. A Polícia Civil (PC) deve investigar o caso nos próximos dias. 

    Leia mais:

    Após encontro de perna, cabeça e braços são localizados em igarapé

    Dupla em moto mata a tiros estudante suspeito de crimes, em Iranduba

    Preso homem que clonou placa de veículo usado em homicídio de advogado