Fonte: OpenWeather

    Polícia


    Mulher deixa celular no viva voz para delegada ouvir ameaças de marido

    Mulher já havia denunciado o companheiro por viver em um relacionamento abusivo. Após sair de abrigo, marido encontrou a mulher e começou a fazer novas ameaças. Conversa foi ouvida pela polícia, que o prendeu em flagrante

    O homem soube onde a mulher estava e foi tirar satisfação sobre a denúncia
    O homem soube onde a mulher estava e foi tirar satisfação sobre a denúncia | Foto: Divulgação


    Manaus - Em mais um caso de agressão à mulher, a vítima - que não teve o nome divulgado - denunciou à polícia o relacionamento abusivo que vivia com o marido há alguns anos. Ao ser encontrada pelo companheiro na casa da irmã dela, nesta quarta-feira (12), a jovem ligou em segredo para a equipe da Delegacia da Mulher e a delegada Débora Mafra ouviu todas as ameaças de morte feitas por ele.

    Após o registro, as equipes policiais efetuaram a prisão, por volta das 11h, na rua Villena, que fica localizada no bairro Flores, Zona Centro-Sul.

    Entenda o caso

    A vítima procurou a Delegacia da Mulher no último dia 8 de dezembro para fazer uma denúncia. Ela disse não suportar mais o casamento abusivo com o suspeito. Eles viviam juntos há 15 anos.

    Segundo a delegada titular da especializada, Débora Mafra, após a denúncia, a vítima foi encaminhada ao abrigo Serviço de Apoio Emergencial à Mulher (Sapem), onde foi constatado o grau vulnerável em que a vítima se encontrava.

    Na manhã desta quarta-feira (12), a vítima foi liberada do abrigo e decidiu visitar a irmã. Após chegar ao local, o companheiro ligou para a mulher pedindo satisfação sobre as denúncias.

    "Na manhã de hoje, após ser liberada do abrigo, a vítima foi até a casa de sua irmã quando o acusado ligou para ela ameaçando-a. Ao saber que ela estava no local, o suspeito foi até lá e continuou fazendo as ameaças e as injúrias. A situação foi presenciada pela irmã da vítima", afirma a delegada titular.

    A delegada recebeu a ligação da vítima e ouviu as ameaças feitas pelo homem. Imediatamente, ele ordenou que uma equipe fosse ao local e o prendeu em flagrante.

    Ainda de acordo com Débora Mafra, o homem deve pagar fiança e responderá o crime em liberdade. A vítima recebeu medidas protetivas. Caso o acusado desobedeça as medidas, voltará a ser preso definitivamente.

    *Texto produzido pelo estagiário Kethleen Almeida sob supervisão da editora Bruna Chagas

    Leia mais:

    'Não é amor, é abuso', diz vítima de violência doméstica no AM

    Homem é preso após agredir companheira em Novo Aripuanã

    Mulher é espancada em bar após discussão política