Fonte: OpenWeather

    Flagrante


    Homem que tentou aplicar golpe utilizando site de compras é preso

    O suspeito tentou obter o aparelho celular que a vítima havia anunciado em um site de compras e vendas na Internet, sem efetuar o pagamento

    | Foto: Divulgação

    Manaus - Na tarde do último sábado (15), por volta das 17h, Wenderson Rabelo de Oliveira, 29, foi preso no momento em que ele tentava aplicar golpe em uma jovem de 23 anos, ao tentar obter o aparelho celular que ela havia anunciado em um site de compras e vendas na Internet, sem efetuar o pagamento.

    De acordo com a autoridade policial, o delegado Jeff David Mac Donald, a prisão aconteceu no momento em que Wenderson iria receber o objeto, na rua Dez de Julho, bairro Centro, zona sul da capital.

    Mac Donald explicou que as diligências em torno do caso foram iniciadas após a jovem acionar a equipe de investigação do 6° DIP, por meio do disque-denúncia da unidade policial: (92) 99184-4434, e relatar que estava desconfiada de uma transação comercial feita a partir de uma negociação iniciada em um site de compras e vendas na Internet.  

    “A jovem relatou que anunciou o aparelho celular dela e um suposto comprador demonstrou interesse pelo produto. Ele teria se identificado como policial lotado em Manacapuru, município distante 68 quilômetros em linha reta da capital. O suposto comprador disse para a vítima que efetuaria um depósito bancário, via envelope. Por estar de serviço, ele mandaria o filho dele buscar o celular no ponto de encontro definido para a entrega do objeto, no bairro Centro”, declarou Mac Donald.

    O titular do 6° DIP argumentou que a vítima suspeitou da real intenção do homem pelo fato dele afirmar ter efetuado a quantia em dinheiro imediatamente, sem analisar o produto oferecido, além da pressa em buscar o produto oferecido. Por conta disso, a jovem decidiu acionar a polícia.

    “Nos deslocamos até o ponto de encontro, onde monitoramos toda a transação e em seguida abordamos Wenderson. Como o depósito era uma farsa, ele confessou que se tratava de um golpe e delatou os comparsas envolvidos no esquema criminoso. Durante as diligências, conduzimos duas pessoas até o 6° DIP, uma responsável por receber os produtos dos golpes e dar a devida destinação e outra que receptava os objetos e os vendia. Identificamos, ainda, o chefe do bando, que ainda não foi localizado”, disse a autoridade policial.  

    Flagrante 

    Wenderson foi autuado em flagrante por estelionato. Após os procedimentos cabíveis no 6º DIP, ele foi levado para Audiência de Custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, bairro São Francisco, zona sul da capital. As pessoas ouvidas na unidade policial foram liberadas por não estarem em situação de flagrante. Um Inquérito Policial (IP) foi instaurado para apurar o caso.

    *Com informações da assessoria

    Leia mais

    Preso industriário que guardava e transportava armas de facção no AM

    Dois são presos e adolescente apreendido por posse de arma

    Assassino de tia e sobrinho diz que matou após negar sexo com rapaz