Fonte: OpenWeather

    Investigação


    PM não encontra corpo, mas prende dupla após achar objetos suspeitos

    Um morador ficou sabendo que haviam acabado de queimar um corpo dentro de um prédio. Nada que confirmasse a versão foi encontrado no local, mas dois homens acabaram presos por outro motivo

    | Foto: Marcely Gomes

    Manaus - Após quase duas horas de buscas por um suposto corpo esquartejado e carbonizado dentro de um prédio abandonado no Centro de Manaus, os cães farejadores da Companhia de Policiamento com Cães da Polícia Militar (CIPCães) não encontraram nenhum cadáver, na tarde desta quinta-feira (10). Porém, enquanto analisavam o local, os policiais encontraram uma quantia em dinheiro e várias embalagens de entorpecentes, que resultou na detenção de dois homens.

    Os homens, que não tiveram as identidades divulgadas, apresentavam restrições na Justiça e foram conduzidos ao 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP). Eles moravam no prédio, segundo a polícia, e foram levados à delegacia na companhia de familiares para prestarem esclarecimentos.

    "Há grandes vestígios que o local é usado para comercializar drogas. Foi encontrado lá R$ 86 em espécie e materiais de embalo de drogas. Os dois foram levados porque estão com pendências na Justiça", informou o tenente Marivaldo Costa. 

    Os suspeitos foram conduzidos ao 1º DIP
    Os suspeitos foram conduzidos ao 1º DIP | Foto: Marcely Gomes

    A denúncia sobre o possível homicídio foi feita por um morador da área. Ele disse que um dos suspeitos havia confessado o crime. "Um dos suspeitos avisou para eu não me preocupar com o fogo que eles haviam acendido no prédio. Irônico, ele informou ainda que eu não devia me preocupar porque os dois estavam apenas queimando um corpo”, disse o morador, que não quis se identificar. 

    O tenente Afonso Junior do CIPCães informou que nas buscas pelo suposto cadáver foram utilizados ferramentas e dois cães farejadores especializados.

    "Usamos uma enxada e um 'fura cova', porém, nada foi encontrado. Agora, com uma nova suspeita de drogas no local, vamos contar com o apoio de cães de faro especializados em narcóticos para  realizar uma varredura minuciosa", contou o policial. 

    Até a publicação desta matéria não havia informações sobre a apreensão de drogas. O caso segue sendo investigado pela Polícia Civil. 

    Leia mais

    Presos suspeitos de executarem dupla dentro de condomínio em Manaus

    Rocam apreende armas e mais de R$ 2,6 mil em notas falsas

    Trio é detido com drogas e arma no bairro Santo antônio em Manaus