Fonte: OpenWeather

    Crime


    Vocalista de grupo de pagode é executado dentro de lanche na Praça 14

    A vítima chegou a ser socorrida e levada ao HPS 28 de Agosto, mas morreu ao chegar na unidade

    Juninho era vocalista do grupo Pagode dos Amigos
    Juninho era vocalista do grupo Pagode dos Amigos | Foto: Reprodução/Facebook

    Manaus - Marnildo Figueiredo Fonseca Júnior, de 27 anos, conhecido como "Juninho Fonseca", foi morto a tiros na noite desta quarta-feira (2), dentro da própria lanchonete, por volta das 20h30 na avenida Japurá, bairro Praça 14, zona Sul de Manaus. Juninho era vocalista do grupo Pagode dos Amigos.  

    Segundo informações dos familiares repassadas aos policiais da 1ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), os suspeitos, ainda não identificados, chegaram em um carro, entraram na lanchonete e dispararam várias vezes contra Marnildo.

    "Moradores disseram que Juninho tinha desavenças com traficantes da área, porque denunciava o tráfico no bairro, o que pode ter motivado o crime", disse um policial que preferiu não se identificar.

    A vítima foi socorrida, mas não resistiu e morreu no hospital
    A vítima foi socorrida, mas não resistiu e morreu no hospital | Foto: Jhonata Lobato/Em Tempo

    A vítima foi socorrida e levada ao Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, mas não resistiu e morreu ao chegar na unidade hospitalar. 

    Os peritos do Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC) foram até o necrotério da unidade hospitalar e identificaram sete tiros em Marnildo, nas regiões do tórax e pescoço.

    O corpo foi removido por funcionários do Instituto Médico Legal (IML) e a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) investigará o caso.