Zona Oeste de Manaus


Rixa antiga entre rivais acaba em morte na Compensa; vítima era PcD

A família de Jardene Lima aponta um homem, identificado até o momento apenas como “Buriti”, como o autor dos disparos que matou o deficiente físico neste sábado (30)

Crime foi nesse sábado, na rua 8 | Foto: Kennedson Paz/Em Tempo

Manaus - Jardene Ferreira Lima, de 37 anos, com aproximadamente três tiros na rua oito, Vila Marinho, bairro da Compensa, Zona Oeste da capital. Conforme familiares, a ação teria ocorrido por volta das 11h30 deste sábado (30). A vítima era aposentada, pois possuía uma deficiência física em uma das pernas.

Um irmão da vítima informou que o principal suspeito seria “Buriti” e a motivação é um possível desentendimento antigo entre a vítima e o suspeito.

“Eles já tinham brigado no passado, mas não sei informar o porquê. Só sei que nessa briga o Jardane tinha furado o braço desse cara. Ele estava sentado com os amigos, quando o Burití chegou atirando”, explicou o irmão da vítima.

Os familiares informaram ainda que, possivelmente, câmeras de monitoramento em estabelecimentos próximos podem ter registrado a ação e ajudem a polícia a identificar o suspeito.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ainda chegou a socorrer a vítima, que foi encaminhada ao Serviço de Pronto Atendimento (SPA) Joventina Dias, localizado no bairro Compensa 3, Zona Oeste, onde morreu.

O caso deve ser investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para remoção no SPA e, após os procedimentos legais, deve liberar o corpo aos familiares.