Fonte: OpenWeather

    Fiscalização


    PF prende dupla que transportava peixes ornamentais ilegalmente

    Havia aproximadamente 10.000 peixes dentro de sacos plásticos

    Os peixes serão reintroduzidos na natureza com o auxílio dos órgãos ambientais competentes | Foto: Divulgação

    Os peixes serão reintroduzidos na natureza com o auxílio dos órgãos ambientais competentes
    Os peixes serão reintroduzidos na natureza com o auxílio dos órgãos ambientais competentes | Foto: Divulgação

    Tabatinga- Por volta das 17h da última sexta-feira (27), em uma fiscalização de rotina no Rio Solimões, nas proximidades de Umariaçu, comunidade de Tabatinga, a Polícia Federal prendeu dois homens em flagrante. A Polícia Federal, abordou uma embarcação do tipo voadeira, que se deslocava sentido à Colômbia. Em uma averiguação do conteúdo da embarcação, contatou-se que havia aproximadamente 10.000 peixes ornamentais dentro de sacos plásticos. Dois homens foram presos em flagrante, sendo um de 28, e o outro, de 32 anos.

    Um dos presos, que se apresentou como responsável pela embarcação, afirmou que o destino dos peixes era o Município de Letícia, na Colômbia, e que o transporte se daria mediante o pagamento de dinheiro em espécie. Segundo os próprios presos, a espécie transportada é denominada “Aruanã” (foto).

    Os peixes serão reintroduzidos na natureza com o auxílio dos órgãos ambientais competentes. Além dos alevinos, também foram apreendidos cilindros de oxigênio e a embarcação utilizada no transporte da carga de origem ilícita.

    Crimes investigados

    Foi instaurado um inquérito policial, mediante Auto de Prisão em Flagrante, para investigar a prática dos crimes de receptação e tentativa de contrabando, previstos nos artigos 180 e 334 do Código Penal, respectivamente.

    *Com informações da assessoria