Fonte: OpenWeather

    Execução


    Vídeo: Homem é morto a tiros e pedradas por 'colega' no Tancredo Neves

    O rapaz desceu da motocicleta e efetuou pelo menos dois tiros contra a vítima

    Além de atirar na vítima, o suspeito aina jogou pedras nela | Foto: Suyanne Lima

    Manaus - Márcio Roberto Marinho Cardoso, de 48 anos, foi morto com tiro após ser agredido a pedradas por um "colega" na tarde desta segunda-feira (10), por volta das 14h, no bairro Tancredo Neves, Zona Leste de Manaus. 

    Segundo testemunhas, Márcio chegou em uma motocicleta, modelo Titan 125, com o atirador. O rapaz desceu da motocicleta e efetuou pelo menos dois tiros contra a vítima. Apenas um disparo acertou Márcio e, durante o ato, o suspeito chegou a dizer que ele ia morrer porque matou o irmão dele enquanto jogava pedras na vítima.

    A motocicleta foi abandonada no local
    A motocicleta foi abandonada no local | Foto: Suyanne Lima


    Após os tiros, o autor ainda teria desferido uma pedrada no rosto de Márcio que não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

    "Ele pediu para que ninguém se metesse nisso e saiu correndo pelo beco. A motocicleta foi abandonada aqui perto", contou uma testemunha.

    A equipe da 14ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) foi acionada e isolou a área até a chegada da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), do Departamento de Perícia Técnico-Cientifica (DPTC) e do Instituto Médico Legal (IML). 

    O delegado Guilherme Antoniazzi, plantonista da DEHS, disse que a primeira linha de investigação é acerto de contas. A motocicleta foi apreendida pela especializada e será utilizada no processo de investigação. 

    Veja a reportagem no local onde o coro foi removido: