Fonte: OpenWeather

    Homicídio


    Suspeito de matar “Baixinho” no Coroado é preso

    Osmar tinha mandado de prisão em aberto por homicídio ocorrido em maio de 2019 no bairro Coroado. Ele será interrogado para averiguar eventual participação no homicídio de Diego Lopes Linhares

    Osmar ainda chegou a dar um nome falso mas os policiais do 11° DIP identificaram o nome verdadeiro dele e o mandado de prisão por homicídio
    Osmar ainda chegou a dar um nome falso mas os policiais do 11° DIP identificaram o nome verdadeiro dele e o mandado de prisão por homicídio | Foto: Divulgação

    Manaus - Osmar Alves dos Santos, de 31 anos, foi preso na tarde desta segunda-feira (10), por volta das 15h, em via pública no Coroado, Zona Leste de Manaus, após a morte de Diego Lopes Linhares, o “Baixinho”, que morreu por volta de 13h após ter o carro crivado com 12 tiros na rua Castro Alves, naquele mesmo bairro.

    Segundo a Polícia Civil, Osmar foi preso por policiais da 11ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), após denúncia anônima de que ele estaria envolvido no homicídio de “Baixinho”. 

    Ao ser questionado pelos policiais, inicialmente, Osmar deu um nome falso, Após ser levado para a delegacia, foi constatado que o verdadeiro nome dele era outro e que havia um mandado de prisão a ser cumprido.

    O delegado Antônio Rondon, titular do 11º Distrito Integrado de Polícia (DIP), explicou que Osmar era procurado por envolvimento na morte de Anderson Machado Vilaça, conhecido como ‘Andrinho’, que morreu no dia 27 de maio de 2019, após ser atingido com dois tiros enquanto dormia na casa dele, no Beco do Giral, bairro Coroado.

    Conforme a autoridade, o homem será interrogado sobre a morte de “Andrinho” e, posteriormente, encaminhado ao prédio da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) para prestar esclarecimentos sobre uma possível participação na morte de “Baixinho”.