Fonte: OpenWeather

    Ação Policial


    Três são presos com malotes extraviados dos Correios

    Os suspeitos estavam com mercadorias que tinham sido roubadas de um carro de entrega dos correios, além de uma arma de fogo e um simulacro

    O trio foi preso e conduzido ao prédio do 30°DIP
    O trio foi preso e conduzido ao prédio do 30°DIP | Foto: Divulgação

    Manaus - Jackson Almeida da Silva, Janderson de Lima Batalha e Syrrenon Soares Barroso foram presos na tarde desta sexta-feira (21), por volta das 13h, em ação policial na rua das Pérolas, no bairro Tancredo Neves, Zona Leste de Manaus. Os homens estavam com mercadorias que tinham sido roubadas de um carro de entrega dos correios, além de uma arma de fogo e um simulacro.

    Segundo o delegado Torquato Mozer, titular do 30° Distrito Integrado de Polícia (DIP), as diligências iniciaram após denúncias anônimas informando que os materiais foram roubados do carro dos Correios, no bairro São José, na manhã desta sexta-feira (21), e depois deixados em uma casa no bairro Tancredo Neves.

    A polícia foi até o local checar a informação e foi recebida a balas pelos suspeitos. No momento, um deles foi preso e dois dos suspeitos conseguiram fugir. 

    Parte da mercadoria recuperada pela polícia
    Parte da mercadoria recuperada pela polícia | Foto: Suyanne Lima

    Conforme Mozer, após uma perseguição, um foi preso e Jackson conseguiu pular pelo telhado de uma casa e manteve, por alguns minutos, uma família refém. Ele estava armado com uma pistola calibre 22 e ameaçava as vítimas, mas acabou se entregando. Além da arma, a policia apreendeu munições e um simulacro de arma de fogo. Parte das mercadorias roubadas foi recuperada.

    O trio foi preso e conduzido ao prédio do 30° Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde foi autuado em flagrante por receptação. Jackson ainda foi autuado por porte ilegal de arma de fogo de uso permitido. Eles serão levados para audiência de custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, no bairro São Francisco, Zona Sul de Manaus.

    A polícia informou que os suspeitos já tinham passagem pelos crimes de tráfico de drogas e roubo.