Fonte: OpenWeather

    Latrocínio


    Trio é preso pela morte de cabo da PM na Zona Leste de Manaus

    Luiz e Rodrigo ficaram responsáveis por entrar na casa do policial militar enquanto o adolescente ficou do lado externo dando cobertura

    Os suspeitos foram presos em um bar
    Os suspeitos foram presos em um bar | Foto: divulgação


    Manaus - Luiz Humberto dos Santos, de 20 anos, Rodrigo Marques dos Santos, de 18 anos, e um adolescente de 16 anos foram identificados como os responsáveis pela morte do cabo da Polícia Militar Adeilson de Oliveira Pinheiro, que tinha 35 anos. O crime aconteceu na madrugada desta quinta-feira (19), na casa da vítima na rua B7, no loteamento Cidade do Leste, na Zona Leste de Manaus. O trio planejou uma dinâmica para consumar o ato.

    Conforme o delegado Rafael Costa e Silva, titular do 4º Distrito Integrado de Polícia (DIP), durante a ação criminosa, Luiz e Rodrigo ficaram responsáveis por entrar na casa do policial militar enquanto o adolescente ficou do lado externo dando cobertura aos criminosos. Ele estava em uma motocicleta. 

    “A vítima estava dormindo com a companheira quando acabou sendo surpreendida pelos suspeitos. Ele reagiu à ação e travou luta corporal com os suspeitos. O policial acabou sendo ferido com dois golpes de arma branca, que atingiram o tórax e pescoço dele. Após ser socorrido e conduzido a uma unidade hospitalar, ele não resistiu aos ferimentos. Após o crime, os suspeitos fugiram”, explicou.

    A policia recebeu informações, por volta das 8h30, que os suspeitos foram beber em um bar na avenida Itaúba, na Zona Leste de Manaus. As equipes foram até lá e conseguiram fazer as detenções dos suspeitos. Rodrigo confessou à polícia ter esfaqueado a vítima. 

    Rafael Costa e Silva destacou que, antes do crime, o trio estava bebendo e acabou decidindo cometer roubos. Antes de matar o cabo da Polícia Militar, os suspeitos chegaram a roubar o celular de uma mulher no bairro Cidade de Deus, na Zona Norte de Manaus. 

    Procedimentos

    Luiz e Rodrigo foram autuados em flagrante por latrocínio. Ao término dos procedimentos cabíveis, eles serão levados para o Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), onde ficarão à disposição da Justiça. Já o adolescente será levado para a Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai).

    Veja vídeo da fuga dos bandidos:

    | Autor: Divulgação