Fonte: OpenWeather

    Chuva


    Vídeos: Casas são invadidas por lama e moradores denunciam obra

    O alagamento teria acontecido por causa de uma obra feita por uma empresa privada das proximidade

    Várias pessoas tiveram as casas invadidas por mais de um metro de lama
    Várias pessoas tiveram as casas invadidas por mais de um metro de lama | Foto: Suyanne Lima

    Manaus - Moradores da rua Carauari, da comunidade das Pedras, no bairro Grande Vitória, na Zona Leste de Manaus, tiveram as casas invadidas por lama durante a chuva da tarde desta quinta-feira (19). Um córrego que fica ao lado de, pelo menos, oito residências  transbordou e moradores denunciam que perderam móveis e documentos. O alagamento teria acontecido por causa de uma obra feita por uma empresa privada das proximidades. 

    O presidente da comunidade, Carlos Noronha, explicou ao Em Tempo que a chuva começou por volta das 13h30 e várias casas ficaram com mais de um metro de lama. Segundo ele, documentos, móveis e alimentos foram perdidos durante o sinistro.

    “Isso é resulta da construção de uma galeria que está sendo por uma empresa privada. Moramos aqui há anos e nunca alagou antes. Muitas pessoas que moram aqui ainda nem chegaram do trabalho para ver os estragos. Estamos preocupados com esse trabalho”, disse.

    Moradores denunciaram obra de empresa privada
    Moradores denunciaram obra de empresa privada | Foto: Suyanne Lima

    No local, um cenário de destruição dentro das casas. Muita lama e móveis suspensos por moradores na tentativa de salvar parte dos patrimônios.

    Janira da Silva, que não estava em casa no momento do alagamento, conversou com a reportagem do Em Tempo. Ela disse que foi avisada que a casa estava cheia de lama por vizinhos. Ao chegar em casa, a mulher constatou que tinha perdido documentos e o guarda-roupa.

    “Mais de 20 anos moramos aqui é isso nunca aconteceu. Depois dessa barreira, onde tem barro e terra solta colocadas por essa empresa é que está acontecendo isso. Esta água com lama está nos prejudicando. A Defesa Civil já esteve aqui realizando um cadastro dos moradores e iremos até o órgão para realizarmos os procedimentos necessários”, concluiu.

    As pessoas que quiserem fazer doação de roupas, alimentos e móveis para os atingidos podem entrar em contato com o número (92) 99322-1899.

    Veja o prejuízo da população 

    Muita lama e móveis suspensos por moradores na tentativa de salvar parte dos patrimônios | Autor: Divulgação