Homicida


Homem que matou agricultor por R$ 50 é preso após roubar ônibus

O suspeito fez um trabalho de capinagem e foi cobrar o líder comunitário de uma comunidade na AM-010. Durante a discussão, o agricultor foi morto com vários golpes

Conforme a Polícia Civil, o crime ocorreu na noite, do dia 1º de setembro de 2019
Conforme a Polícia Civil, o crime ocorreu na noite, do dia 1º de setembro de 2019 | Foto: Divulgação


Manaus - Marcos Gabriel das Chagas Silva, 19, conhecido como "Neguinho", que foi preso na noite de quarta-feira (25) após assaltar um ônibus do transporte coletivo da linha 641, na avenida Max Teixeira, na Zona Leste de Manaus, estava sendo procurado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). Ele tem envolvimento na morte do agricultor Alcimar da Silva Monteiro, que tinha 56 anos.

Conforme a Polícia Civil, o crime ocorreu na noite, do dia 1º de setembro de 2019, por volta das 19h, no ramal Água Branca 2, situado no Km 35 da rodovia estadual AM-010.

A vítima, que era líder comunitário do ramal, havia contratado Marcos e o comparsa André da Silva Oliveira, que já foi preso, para prestarem um serviço de jardinagem. Ao término do trabalho, o agricultor pagou apenas parte do valor acertado.

No dia do crime, os suspeitos voltaram ao local para cobrar o pagamento dos R$ 50 restantes e acabaram discutindo com o agricultor. Alcimar informou para dupla que não era ele que devia, mas sim uma moradora que tinha contratado os serviços de capinação. A vítima foi ferida com golpes de punhal e acabou morrendo.

Outra ação

Na quarta-feira (25), Marcos entrou na linha de ônibus 641 com um terçado e subtraiu pertences e renda dos passageiros. Durante a fuga, ele foi capturado e conduzido ao 6° Distrito Integrado de Polícia (DIP). A DEHS já foi informada sobre a prisão e deverá dar continuidade ao Inquérito Policial (IP) sobre a morte do agricultor.