Fonte: OpenWeather

    Fuga


    Rafael está tentando entrar na Venezuela e fugir para a Espanha

    A informação é do delegado Paulo Martins, da DEHS. Rafael é apontado como o principal suspeito do assassinato da namorada dele, a miss Kimberly Mota


    Manaus - Na manhã desta quinta-feira (14), o delegado Paulo Martins, titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), informou que Rafael Fernandes Rodrigues, de 31 anos, principal suspeito de matar a Miss Manicoré, Kimberly Karen Mota, de 22 anos, está tentando fugir para Venezuela e chegar até a Espanha.

    O carro de Rafael foi encontrado capotado, na última quarta-feira (13), em um trecho da BR-174, em Roraima.  Segundo informações do delegado, ele pediu ajuda a um caminhoneiro. 

    "Ele estava em alta velocidade na BR-174 e acabou capotando em uma curva, no km 30, antes de Caracaraí. Ele ficou um pouco lesionado na altura do pescoço, mas, conseguiu sair do veículo", disse Martins.

    O delegado também informou que ele pode estar a caminho da fronteira. "Ele pediu ajuda a um caminhoneiro que o levou até Caracaraí. De lá pegou um táxi e foi para Boa Vista, depois ele pegou outro táxi e seguiu para Pacaraima. Estamos presumindo que ele está tentando entrar na Venezuela e, de lá, seguir até Margarita, com destino final a Espanha". 

    Rafael é o principal suspeito da morte da namorada, a miss Kimberly Mota
    Rafael é o principal suspeito da morte da namorada, a miss Kimberly Mota | Foto: Divulgação

    Conforme o delegado, há possibilidade de Rafael ter parentes na Espanha e deve estar tentando chegar ao país para se esconder na casa de algum familiar. 

     O taxista que levou Rafael até Boa Vista informou à polícia que Rafael pediu para parar em uma caixa eletrônico e tirou dinheiro.

    Ainda segundo Paulo Martins, Rafael está com um cartão de crédito ativo. "Ele está com cartão de crédito e pode realizar saques, mas, sabemos que ele não está com muito dinheiro.Estamos providenciando medidas para tentar bloquear as contas dele", informou Paulo.

    Dificultar prisão 

    O delegado ressaltou que se Rafael conseguir passar na fronteira dificultará um pouco mais prisão. A polícia está trabalhando para impedir que ele consiga entrar na Venezuela.

    Leia mais sobre o caso Kimberly:

    Miss Manicoré é encontrada morta no apartamento do namorado em Manaus

    'Ele nunca faria isso', diz mãe do namorado de Kimberly Mota

    Rafael esteve em condomínio de Kimberly antes do crime, afirma polícia

    Namorado fugiu com celular de miss morta em Manaus, revela polícia

    Suspeito de matar Kimberly sofreu acidente em Roraima e segue foragido