Fonte: OpenWeather

    Homicídio


    'Justiceiro' desarma e mata suspeito de assalto com 3 tiros em Manaus

    O jovem tentou roubar uma loja de celulares no lugar, quando teve a arma de fogo tomada por um homem, que reagiu e efetuou os disparos

    Comerciantes da área ficaram muito assustados com o crime
    Comerciantes da área ficaram muito assustados com o crime | Foto: Suyanne Lima

    Manaus - Alexandre da Silva Marinho, de 18 anos, foi morto a tiros na noite desta sexta-feira (15), por volta das 18h40, na rua 26 de Agosto, na comunidade Riacho Doce, na Zona Norte de Manaus. Segundo informações de testemunhas, o jovem estava tentando cometer um assalto quando foi morto.

    Testemunhas relataram ao EM TEMPO que Alexandre tentou assaltar uma loja de celulares no lugar, quando teve a arma de fogo tomada por um homem, que efetuou pelo menos três tiros contra ele. Comerciantes da área ficaram muito assustados com o crime. Uma delas falou com o Em Tempo sobre o que vivenciou. 

    “Percebi a movimentação do assalto e corri para me esconder. Só ouvi os tiros. É muito triste ver que um jovem perdeu a vida dessa maneira. A insegurança é grande”, lamentou a ambulante - que não quis ser identificada. 

    Familiares de Alexandre chegaram ao local do crime completamente revoltados
    Familiares de Alexandre chegaram ao local do crime completamente revoltados | Foto: Suyanne Lima

    Uma equipe da 6ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) fez o isolamento da área e acionou a equipe do Departamento de Perícia Técnico-Científica (DPTC).

    Familiares de Alexandre chegaram ao local do crime completamente revoltados. A mãe se jogou sob o corpo do filho e gritou: “Meu filho era trabalhador, tinha uma barbearia”.  A irmã e avó do jovem estavam inconsoláveis.

    O caso será investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).