tentativa de fuga


Detentos cavam buraco com faca para fugir de presídio em Maués

Seis presos utilizaram uma faca artesanal. O buraco mede aproximadamente 70x60 centímetros

| Foto: divulgação

Manaus - Na madrugada desta sexta-feira (29), seis detentos da unidade prisional de Maués, tiveram a fuga frustrada por PM's do presídio, localizado no bairro Centro, do município situado no interior Amazonas e distante 258 km de Manaus.

A tentativa de fuga aconteceu por volta de 0h30, quando os Policiais Militares -que estavam de serviço na unidade - ouviram barulhos incomuns vindos da cela e se deparam com os detentos abrindo um buraco na parede.

Os policiais acionaram apoio do Quartel da Polícia do município, para conter a tentativa de fuga, que, segundo o diretor da unidade prisional, William Johns, o buraco já tinha cerca de 70x60 centímetros de diâmetro.

“Eles já tinham cavado bastante utilizando materiais caseiros. Os policiais do Quartel da Polícia deram apoio para remanejá-los a outra cela e o buraco já está sendo reparado nessa manhã”, disse o Diretor.

Os materiais utilizados para fuga eram dois estoques de ferro e uma faca artesanal. Os presos já estariam há um bom tempo cavando esse buraco com os objetos caseiros.

Segundo William, esse ato cometido pelos detentos é considerado falta grave. “Os processos para a disciplina deles estão sendo feitos. Se o Ministério Público considerar danos ao patrimônio público, eles correm risco de ser penalizados novamente e ficarem mais tempo na cadeia”, disse o diretor.

Segundo Johns, os seis detentos, que participaram da ação de fuga respondem por roubo cometidos em Maués. Eles pretendiam sair pelo buraco que daria acesso à Rua São João, uma principal do bairro Centro.

"Ao serem questionados, eles informaram que pretendiam fugir pela principal, a pé, e simplesmente sair correndo", finalizou William.

Os detentos aguardam em outra cela, pela decisão do Ministério Público, para ter ciência da disciplina que irão sofrer após a tentativa de fuga.