Fonte: OpenWeather

    Homicídio


    Homem é morto a tiros e corpo é deixado na porta de SPA em Manaus

    O homem já estava morto quando foi deixado na porta do Joventina Dias

    Ele foi deixado morto na porta do SPA
    Ele foi deixado morto na porta do SPA | Foto: Arquivo Em Tempo

    Manaus - Um homem identificado como Darlison Marinho Pontes, de 30 anos, foi morto a tiros, na manhã desta segunda-feira (29). O crime aconteceu no bairro Compensa na Zona Oeste de Manaus. O irmão da vítima, que não teve nome divulgado, é apontando como o autor do crime.

    Conforme informações, o homem foi abandonado na frente do Serviço de Pronto Atendimento Juventina Dias, mas já estava morto.

    Segundo informações preliminares dos policiais da 8ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), Darlison foi alvejado com tiros de uma arma caseira na rua 8 do Conjunto Vila Marinho.

    Ele foi levado por populares em uma caminhonete e o deixaram na porta do SPA. Além dos tiros, o homem também estava com marcas de agressão.

    Possível motivo do crime

    Amigos informaram que Darlison é filho adotivo e foi acolhido após ser abandonado em um lixão com apenas um ano de idade. Entretanto, com o passar do tempo, ele começou a agredir os pais e o irmão teria o matado por conta dessas agressões.

    Investigação

    O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para fazer a remoção do corpo. As investigações sobre o crime devem ser feitas Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

    Leia mais: 

    Homem é preso por tráfico de drogas na Zona Norte da capital

    Adolescente é apreendido por tráfico de drogas no São José

    Assaltante é espancado por populares na Torquato Tapajós