Fonte: OpenWeather

    Quadrilha


    Presos revelam que fingiam ser motoristas de App para cometer crimes

    Eles também alugavam carros para entregar drogas e não deixarem rastros para a polícia

    Além das armas falsas e drogas, dois veículos também foram apreendidos | Foto: divulgação

    Manaus - Tomé Leno Batista, de 31 anos, e Uirapurã Silva dos Santos, de 31 anos, foram presos na tarde desta quarta-feira (15), em uma área conhecida como "portal", localizada nas proximidades de uma delegacia no bairro Nossa Senhora das Graças, na Zona Cento-Sul de Manaus. Eles estavam com duas armas de fogo falsas, drogas e dinheiro.  

    De acordo com o tenente Adailson da 22ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), a equipe foi acionada após denúncias anônimas informando que uma dupla estava consumindo entorpecentes em dois veículos que estavam parados em via pública. 

    Os policiais foram até o local indicado e, durante a abordagem, foram localizadas as duas armas de fogo falsas e uma quantidade de drogas. 

    "Um dos suspeitos informou que havia mais drogas na residência dele. Fomos até o local onde encontramos os entorpecentes e materiais para embalo. Eles confessaram que alugavam carros fingindo serem motoristas de aplicativo, mas na verdade utilizavam os veículos para a entrega de drogas. As armas falsas são bem realistas e devem estar servindo para assaltos", destacou o tenente. 

    Além das armas falsas e drogas, dois veículos também foram apreendidos. A dupla recebeu voz de prisão em flagrante e foi conduzida ao 22° Distrito Integrado de Polícia (DIP).

    Leia mais

    Polícia Militar prende quatro homens no interior do Amazonas

    Dupla é capturada após assaltar mototaxista na Zona Leste de Manaus

    Suspeito de praticar assaltos é baleado em rua de Manaus