Fonte: OpenWeather

    Latrocínio


    Após 2 meses, homem baleado durante roubo morre em hospital de Manaus

    A vítima havia sido baleada durante um assalto ocorrido no dia 16 de maio deste ano, no conjunto Cidadão 2, bairro Cidade Nova, Zona Norte de Manaus

    O corpo da vítima foi removido para o Instituto Médico Legal
    O corpo da vítima foi removido para o Instituto Médico Legal | Foto: Arquivo EM TEMPO

    Manaus -  O autônomo Francisco Rodrigues Nunes, de 55 anos, morreu, na manhã de quarta-feira (15), após ficar dois meses internado no Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio, na Zona Leste de Manaus.

    Conforme a polícia, a vítima havia sido baleada durante um assalto ocorrido no dia 16 de maio deste ano, na rua Arquiteta Angélica Cruz, conjunto Cidadão 2, bairro Cidade Nova, Zona Norte.

    De acordo com o Boletim de Ocorrência (B.O), no dia do fato, uma equipe da 15ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) foi acionada para atender uma ocorrência de disparo de arma de fogo. No local, os moradores relataram que Francisco teria sofrido um latrocínio tentado e foi socorrido por amigos. 

    Ainda segundo o B.O, a vítima inicialmente foi encaminhada para o Hospital Platão Araújo, onde foi submetida a uma cirurgia. Em seguida, Francisco foi transferido para o HPS João Lúcio, onde ficou em tratamento, mas não resistiu e morreu. O corpo dele foi removido para o Instituto Médico Legal (IML).

    Apreensão e investigação

    Na cena do crime, a equipe da 15ª Cicom encontrou uma espingarda de fabricação caseira, calibre 32, com uma munição deflagrada. Testemunhas relataram que o autor do crime abandonou a arma e fugiu do local. 

    Na época o material apreendido foi apresentado no 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP), mas posteriormente o caso foi transferido para o 15º DIP, onde continua sendo investigado. 

    Leia mais

    Marcado para morrer? Polícia pode mudar investigação do caso Erisson

    Corrida da Morte: Mototaxista é morto a facadas durante assalto no AM

    Garoto de programa que matou cliente para roubar celular é preso no AM