Fonte: OpenWeather

    Tentativa de Homicídio


    Mulher esfaqueada em ramal no Tarumã conheceu criminoso pela internet

    A vítima se fingiu de morta e pediu ajuda para moradores da área

    O caso aconteceu no ramal da Prainha no Tarumã
    O caso aconteceu no ramal da Prainha no Tarumã | Foto: César Gomes

    Manaus - Um encontro entre uma jovem identificada como Rejane R. D. S, de 25 anos, e um homem que ela conheceu pela internet quase acaba em tragédia na manhã desta quarta-feira (22), no ramal da Prainha, no bairro Tarumã,  na Zona oeste de Manaus. A vítima foi agredida fisicamente, escapou de um estupro, foi esfaqueada e abandonada no local

    Conforme informações de testemunhas da área, a vítima contou que veio do Distrito do Cacau Pirêra, em Iranduba (distante 27 quilômetros em linha reta de Manaus), e marcou um encontro com um homem pelo facebook.  O ponto de encontro foi um bar no bairro Alvorada, na Zona Centro-Oeste, onde ele chegou acompanhado de outro rapaz. 

    O tenente Marivaldo Costa da 20ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) informou que a equipe foi acionada por volta das 6h45, com informações de que a mulher estava despida e ferida com golpes de arma branca naquele ramal. As roupas dela ficaram jogadas no local. 

    Roupas da vítima foram deixadas no local
    Roupas da vítima foram deixadas no local | Foto: Suyanne Lima

    "Quando nós chegamos aqui, a vítima estava despida, deitada próxima ao portão e já havia sido socorrida por moradores da área - que a cobriram. Ela nos contou que conheceu os suspeitos por volta das 22h, no bairro Alvorada. Após uma bebedeira, eles teriam a chamado para um local mais reservado. Ela informa que se negou e, por isso, eles passaram a agredi-la. No caminho, ela diz que eles tentaram estuprá-la, mas não conseguiram e decidiram abandoná-la próximo à área de mata. No local ela foi esfaqueada", relatou o tenente.

    A autoridade policial destacou que os criminosos achavam que a mulher estava morta e foram embora. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) socorreu a vítima e ela foi levada a uma unidade hospitalar, onde deu entrada em estado grave. 

    Durante consulta ao nome dela, foi identificado que há passagem pela polícia pelos crimes de furto e receptação. O caso deve ser investigado pela Polícia Civil.

    Assista a reportagem no local do crime:

    Leia Mais

    Corpo de mulher é encontrado com sinais de tortura em ramal na AM-010

    Corpo é encontrado por pescador no Puraquequara, Zona Leste de Manaus

    Corpo é enrolado em saco plástico no ramal do Brasileirinho