Fonte: OpenWeather

    Polícia


    Sobrevivente de atentado de facção na Zona Oeste recebe alta médica

    Douglas Martins de Lima, de 19 anos, baleado durante um atentado de uma facção criminosa

    Durante a ação criminosa, Laurenci George Barros de Aquino, de 34 anos, foi executado | Foto: Divulgação

    Manaus - Douglas Martins de Lima, de 19 anos, baleado durante um atentado de uma facção criminosa realizado na madrugada desta sexta-feira (24), no bairro Nova Esperança, Zona Oeste de Manaus, já recebeu alta após dar entrada no Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio, na Zona Leste de Manaus. Segundo a polícia, ele se fingiu de morto para tentar escapar dos atiradores.

    Durante a ação criminosa, Laurenci George Barros de Aquino, de 34 anos, foi executado.

    Dentro da residência, os policiais também encontraram granadas que teriam sido utilizadas por atiradores que chegaram em carros e efetuaram diversos tiros. 

    Douglas foi baleado com dois tiros na perna e após dar entrada na unidade hospitalar, foi constatado que os projéteis não teriam transfixado no local e após curativos, ele recebeu alta.

    Uma fonte policial informou que a mãe dele foi até o hospital em busca do paradeiro do filho, mas ele já havia sido levado por uma equipe da 19° Companhia Interativa Comunitária (Cicom), para uma central de flagrantes.

    Outras pessoas que estavam na residência e conseguiram escapar na ação criminosa foram capturadas minutos depois. Com eles, a polícia apreendeu um revólver calibre 38.

    Dentro da casa, os policiais também encontraram um carro roubado e uma motocicleta. Ambos os veículos foram apreendidos.

    A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) investiga o caso.

    Leia Mais

    Com armas e granadas, grupo invade casa e mata homem a tiros em Manaus