Estupro de vulnerável


Criança engravida após estupro e ministra Damares comenta caso

Menina de dez anos está com seis meses de gravidez e sofria abusos desde os seis

Uma criança de 10 anos engravidou depois de ser estuprada, em São Mateus, no Norte do Espírito Santo
Uma criança de 10 anos engravidou depois de ser estuprada, em São Mateus, no Norte do Espírito Santo | Foto: Reprodução

Espírito santo- Uma criança de 10 anos engravidou depois de ser estuprada, em São Mateus, no Norte do Espírito Santo. O caso foi denunciado no sábado (8) e o suspeito do crime é o tio da vítima, a menina deu entrada no Hospital Estadual Roberto Silvares, acompanhada de um familiar informando ter sido vítima de estupro e estar grávida.

Para a polícia, a menina contou que era vítima do crime desde os seis anos e que não denunciou com medo das ameaças. A gravidez, de mais ou menos três meses, foi confirmada por um exame de sangue.

O suspeito já tinha fugido do local e ainda não foi localizado. O caso é investigado pela Polícia Civil e será acompanhado pelo Conselho Tutelar. A menina foi levada para um abrigo da cidade, onde aguardará até alguma decisão da Justiça sobre a gravidez. 

Ministra Damares 

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves comentou sobre o caso e falou que vai ajudar. 

"Minha equipe já está entrando em contato com as autoridades de São Mateus para ajudar a criança, sua família e para acompanhar o processo criminal até o fim", escreveu em seu twitter. 


Leia mais:

Professor é preso por estuprar enteada de 5 anos em Manaus

Operação prende estupradores de irmã, prima e sobrinha em Manaus

No AM, tio estupra sobrinha de 8 anos e oferta tablet para silenciá-la