Homicídio


Novo ataque no Centro: Ambulante é a 2ª pessoa atingida a tiros

Além dela, "Playboy" foi executado na noite desta quinta-feira a poucos metros de distância

A mulher foi baleada na rua Lobo D' Almada
A mulher foi baleada na rua Lobo D' Almada | Foto: Daniel Landazuri

Manaus - Uma vendedora ambulante identificada apenas como "Carina" foi baleada, na noite desta quinta-feira (13), na rua Lobo D'Almada, no bairro Centro, na Zona Sul de Manaus. Ela já é a segunda pessoa baleada naquele bairro em menos de duas horas. A primeira vítima foi Yojan Ramos dos Santos da Silva, de 18 anos, conhecido como “Playboy”. Ele foi executado com três tiros na rua José Clemente. 

Conforme testemunhas, "Carina" trabalha como vendedora de carne na chapa e foi abordada por dois homens a pé. O local onde ela foi baleada é conhecido pela intensa movimentação do tráfico de drogas. No dia 23 do mês passado, Cleber Oliveira da Silva, de 35 anos, foi executado com 15 tiros, naquela mesma rua, no momento em que entrava em um hotel. Até agora o caso não foi esclarecido pela polícia.

Policiais da 24ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) foram acionados para atender a ocorrência e uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada para socorrer a vítima. Ela foi levada para um hospital da capital. O estado de saúde dela não foi revelado.

Primeiro baleado

“Playboy” estava assistindo televisão em uma lanchonete por volta das 19h40, quando foi surpreendido pelo pistoleiro que chegou correndo. O criminoso atirou três vezes na cabeça de Yojan, que morreu ainda no local. 

Segundo a Polícia Militar, “Playboy” era responsável pelo tráfico de drogas do entorno do Teatro Amazonas. Os casos devem ser investigados pela Polícia Civil.

Acompanhe a reportagem no local onde a mulher foi baleada:

Leia Mais

Mulher é ameaçada e xingada pelo marido na frente dos filhos em Manaus

Embarcação da PM é novamente atacada a tiros no AM; três são presos