Fonte: OpenWeather

    Investigação


    Vídeo: Adail Filho se entrega no Ministério Público do Amazonas

    Adail Filho é apontado como líder de um esquema criminoso criado para fraudar licitações, lavar dinheiro e corromper a estrutura de poder do município

    Adail Filho se entregou acompanhado de advogado | Foto: Divulgação

    Manaus - O prefeito de Coari Adail Pinheiro Filho se entregou, por volta das 11h, na sede do Ministério Público do Amazonas (MP-AM), na avenida Coronel Teixeira, na Zona Oeste de Manaus. Ele era um dos alvos da operação “Patrinus", deflagrada desta quinta-feira (26), em Manaus e Coari, contra um esquema de corrupção que desviou, pelo menos, R$ 100 milhões de dinheiro público.

    O MP também cumpriu um mandado de busca e apreensão na casa da irmã de Adail Filho, Mayara Pinheiro, a deputada mais votada do Amazonas. Secretários municipais, vereadores e empresários também foram alvos da ação.

    Ao todo, foram expedidos quatro mandados de prisão temporária e 70 mandados de busca pessoal e de busca e apreensão, cumpridos em domicílios, órgãos públicos e em sedes de empresas, na cidade de Manaus e Coari ao mesmo tempo.

    Investigação 

    Conforme as investigações de mais de 18 meses, o esquema criminoso desviou R$ 100 milhões durante os anos de 2017 e 2018, valores que envolvem, por exemplo, fraudes em licitações, dispensas indevidas de licitações, contratos superfaturados, dos quais serão aferidos os valores efetivamente desviados.

    Assista à reportagem da TV Em Tempo:

    Assista a reportagem | Autor: Mariana Rocha/ TV Em Tempo