Coligação


Ricardo Nicolau (PSD) confirma coligação com PDT de Hissa Abrahão

Durante coletiva à imprensa, Nicolau e Hissa Abrahão (PDT) apresentaram propostas, como plano de ação que pretendem executar, em parceria, caso Nicolau vença as eleições municipais.

Diante da possibilidade de Hissa ser vice de Nicolau, o candidato não deixou claro. “Ele tem todas qualidades para essa função como para qualquer outra”, responde Nicolau.
Diante da possibilidade de Hissa ser vice de Nicolau, o candidato não deixou claro. “Ele tem todas qualidades para essa função como para qualquer outra”, responde Nicolau. | Foto: Lucas Silva

Manaus – Os presidentes do Diretório Municipal do Partido Social Democrático (PSD), deputado estadual Ricardo Nicolau, e do Diretório Estadual do Partido Democrático Trabalhista (PDT), Hissa Abrahão, anunciaram aliança partidária em torno das eleições municipais deste ano na manhã desta sexta-feira, 4.

Pré-candidato a prefeito de Manaus, Ricardo Nicolau enfatizou que a coligação que está sendo formulada será transparente e verdadeira, sem apoios velados.

O PDT é a terceira sigla que vem compor o arco de alianças, que já contava com Solidariedade e PSB, fortalecendo a proposta de mudar o modelo de gestão da cidade que há anos circula entre os mesmos partidos e integrar a elaboração do projeto de 55 metas administrativas que irão fazer parte do plano de governo do PSD para Manaus.

Durante a coletiva, Nicolau e Hissa Abrahão (PDT) apresentaram algumas propostas, como plano de ação que pretendem executar, em parceria, caso Nicolau vença as eleições municipais. O candidato lançou as três metas principais de atuação. “Nosso plano de governo tem 55 diretrizes. A saúde é uma dívida antiga, o transporte público e a segurança pretendemos enfrentar de frente. Queremos trabalhar na infraestrutura da nossa cidade. Infelizmente, ainda falamos em asfalto. Precisamos investir na educação para transformar e preparar a nossa juventude”, declara.

"Estou dando um exemplo para os jovens, que estão na política, de que muitas vezes é melhor se unir para passar a ter chance de vencer", diz Hissa referindo-se à coligação ao PSD.
"Estou dando um exemplo para os jovens, que estão na política, de que muitas vezes é melhor se unir para passar a ter chance de vencer", diz Hissa referindo-se à coligação ao PSD. | Foto: Lucas Silva

Nicolau não anunciou o pré-candidato a vice do partido, mas disse que pretende divulgar em breve. Sobre a parceria com o PDT, o candidato diz que os partidos unindo ideias, força e capacidade de trabalho.  “Vamos fazer essa parceria coletivamente. Vamos anunciar o vice o mais breve possível, mas de uma maneira transparente e colocar uma pessoa que, não nos ajude a apenas ganhar a eleição. Porque, muitas vezes na política manauara, você faz acordos para ganhar eleição e depois acaba afastando a outra que te ajudou a ganhar por problemas pessoais ou pela pessoa estar se destacando. Na política, os velhos caciques não querem que os que trabalham se destaquem”, argumentou.

Nicolau destacou que busca uma candidatura com princípios. "Fico muito feliz de ter o PDT ao nosso lado, um partido histórico, importante na cidade e que vai construir junto conosco uma nova Manaus. Temos um posicionamento muito claro de fazer uma cidade diferente, encarar os desafios e resolvê-los. É muito gratificante ter ao meu lado e do PSD, o PSB do Marcelo Serafim, do Serafim Corrêa, o Solidariedade do deputado Bosco Saraiva e, agora, o PDT do presidente Hissa Abrahão, que traz a essa coligação muita qualidade, força e coragem para enfrentar e resolver os problemas da cidade", afirmou. 

O filiado ao PDT, Hissa Abrahão disse que está na hora de trazer para a prefeitura pessoas na terra, que realmente amem Manaus. Ele reforçou o discurso do pré-candidato e disse que a parceria entre os partidos foi pensada para unir oposições em torno de um projeto maior, pois assim terá mais chances que um “projeto individualista.” O presidente do PDT disse que a iniciativa de uma gestão baseada em planejamento estratégico e na construção coletiva de soluções foi determinante para que o partido viesse fazer parte dessa caminhada.

"Essa união com o deputado Ricardo é exatamente em torno das grandes ideias e dos projetos. Já chega de ter inúmeras promessas sem entregas. Está na hora de romper com esse histórico e acredito que o deputado Ricardo tem as qualidades ideais: é um empresário de sucesso, um grande gestor, já foi presidente de um poder, foi várias vezes deputado e foi vereador, portanto, estou apoiando um homem preparado que tem todas as chances de dar resultado para população", declarou Hissa.

Leia mais:

Senadores criticam aumento de R$ 22 no salário mínimo

Hissa desiste, Alberto Neto insiste e Marcos Rotta estuda novo destino

Mourão pede para que moradores da Amazônia evitem queimadas