Ação


Alberto Neto prende assaltante de ônibus durante bandeiraço em Manaus

A ação aconteceu na manhã desta quarta-feira (7), no Coroado, Zona Leste de Manaus

| Foto: Divulgação

Manaus - Enquanto o candidato a prefeito de Manaus, vice-líder no Governo Bolsonaro na Câmara e deputado federal, Capitão Alberto Neto estava com sua equipe realizando um bandeiraço na manhã desta quarta-feira (7), no bairro Coroado, Zona Leste, participou da prisão de um assaltante no ônibus da linha 651.

“Acabamos de participar de uma ocorrência policial, onde assaltantes levaram celulares das vítimas que estavam no ônibus, na frente do Coroado, onde nós estávamos fazendo nossa panfletagem. Esse é o drama que a população manauara passa todos os dias", disse o prefeiturável.

Alberto Neto aproveitou o momento e salientou o projeto que tem para a segurança pública. "Temos no nosso programa de governo o BUSER, um aplicativo que vai monitorar nossa frota, primeiro ele vai dá qualidade de vida que você vai saber que horas, por meio do aplicativo, o teu ônibus vai passar na tua parada. Segundo a frota vai ser monitorada, em caso de emergência, o motorista vai apertar o botão do pânico, botão de emergência, e a viatura mais próxima faz a abordagem. Hoje colocamos mais um infrator na cadeia, e assim vai ser a nossa rotina como prefeito de Manaus, vamos levar segurança para o nosso povo, assaltante não vai ter vez dentro de ônibus não”, diz Alberto Neto.

| Foto: Divulgação

Policiais da 11ª Companhia Interativa Comunitária (CICOM) foram acionados para fazer a apreensão.

Bandeiraço

Na manhã bem movimentada, próximo à Feira do Coroado, o Capitão Alberto Neto e Orsine Jr.  adesivaram veículos particulares e falaram com motoristas e transeuntes em meio ao corre-corre de uma das vias mais movimentadas da capital amazonense.

Os feirantes pediram ao futuro prefeito que reforme e Feira do Coroado e dê um fim à lixeira existente ao lado do espaço público.

‘Falta mais infraestrutura e uma reforma aqui para a Feira. Eu trabalho aqui há mais de 20 anos e ela precisa ser revitalizada, estruturar os boxes. Hoje, em dia, as feiras estão todas falidas pois falta atenção dos governantes”, disse o feirante José Chaves, 55.

“Vamos olhar para a Feira do Coroado. O prefeito quer brigar com o Bolsonaro todo tempo. Não pode ser assim”, declarou o candidato a prefeito.

| Foto: Divulgação

Marly Nascimento e seu marido Jackson Nascimento estavam passando ontem pela Feira do Coroado junto com o filho, Nicolas Nascimento, de 2 anos de idade. Eles comentaram que o Capitão Alberto Neto e Orsine Jr. representam “uma nova esperança para Manaus neste recomeço em meio à pandemia”. Segundo ela, “é a esperança do novo, da política transparente e sem corrupção, mais humana, não só para mim mas para toda a sociedade”.

Conforme a Lei 13.869/2019 (Lei de Abuso de Autoridade) em seu artigo 13º, autoridades não podem constranger o preso ou detento ao exibi-lo à “curiosidade pública”, total ou parcialmente.

Leia mais: 

Idoso de 80 anos é investigado por estuprar menina de 8 em Manaus

Foragido da justiça é preso em flagrante com drogas em Manaus

Vídeo: Frentista é assaltado em posto de combustíveis em Coari