Fonte: OpenWeather

    Assembleia Legislativa do Amazonas


    Otávio Raman Neves recebe homenagem no "Oscar da Segurança Pública"

    A solenidade aconteceu na noite desta quinta-feira (7), na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), em Manaus.

    | Foto: Suyanne Lima

    Manaus - O proprietário do Jornal Amazonas Em Tempo, falecido em julho deste ano, vítima de Covid-19,  foi homenageado na noite desta quinta-feira (7), durante a solenidade do Oscar da Segurança Pública e Cidadania, na Assembleia Legislativa do Amazonas. O evento premiou personalidades locais que se dedicaram ou se dedicam à proteção da sociedade amazonense.

    O idealizador da premiação, Hilton Ferreira, investigador da Polícia Civil e especialista em Segurança Pública, falou sobre a merecida homenagem ao Otávio que, segundo ele,  incentivou na carreira da Segurança Pública. 

    "Se esse Oscar existe, devemos muito a nosso eterno amigo e presidente Otávio Raman Neves. Ele me convidou para ser comentarista ainda na TV Em Tempo e sempre me falava: 'Hilton, segurança é com você. Ele disse que sempre apoiaria meu programa e ainda hoje recebemos apoio da família dele. Como é considerado um padrinho e sempre esteve envolvido em divulgar a segurança,  hoje receberá essa merecida homenagem. É uma honra receber os familiares dele nesse momento", ressaltou Hilton. 

    O empresário Márcio Mello, sobrinho de Otávio Raman Neves, representou a família durante a solenidade e falou sobre a importância do legado, deixado pelo tio. "É uma honra estar representando a família e receber essa homenagem dada em nome de meu tio Otávio. O legado dele foi marcante para o nosso Estado e ele deixou muita saudade a todos nós. Segurança sempre foi um setor apoiado por ele. Essa lembrança em um evento tão prestigiado só nos faz acreditar que as ações dele foram valorizadas", disse Mello.

    O general da reserva Guilherme Theophilo, ex-Secretário Nacional de Segurança Pública, prestigiou o evento e considerou a homenagem a Otávio Raman Neves muito merecida.  "É uma justa homenagem, pois Otávio Raman merece muito. O setor empresarial é fundamental na nossa sociedade. A segurança pública e as empresas privadas, juntas, vão fazer nosso país chegar a ser essa grande potência que todos sonhamos", finalizou. 

    Otávio Raman Neves também foi condecorado em vida. Na 5° edição, ele recebeu o troféu "Amigo da Segurança", em 2015.

    O empresário morreu na madrugada do último dia 6 de Julho, aos 64 anos, em São Paulo, vítima de complicações originadas da Covid-19. Diagnosticado positivo para a doença, foi internado em março. Após quatro meses de luta, não resistiu, motivo que o levou a falecer no Hospital.

     

    Otávio faleceu aos 64 anos
    Otávio faleceu aos 64 anos | Foto: Arquivo Em Tempo

    Descendente de família libanesa e portuguesa, Otávio Raman nasceu em Manaus no dia 28 de março de 1957. De acordo com sua biografia, começou a vida vendendo pedras e investiu, em seguida, no ramo da construção civil. Conforme o trabalho crescia, comprou máquinas e fechou contratos com obras maiores, segmentadas na área da construção privada.

    Visionário, o empresário também deixa um legado para a área da comunicação. Após comprar o Jornal Amazonas em Tempo, em 2007 adquiriu a TV Manaus, que em 2008, recebeu o nome de TV Em Tempo, assim como o jornal impresso. Atualmente, a emissora é identificada como TV Norte, afiliada do SBT no Amazonas, da qual era sócio-proprietário. 

    Leia mais:

    PL pode agilizar fila de espera para doação de Medula Óssea no AM

    Presidente interino da Câmara, Ramos aprova benefícios à Zona Franca

    PL: homofobia e racismo no futebol poderá gerar multa no Amazonas

    <<<<<<< HEAD ======= >>>>>>> e5a666b371d90e4920345db9572e28a6ed1fabe8