Fonte: OpenWeather

    Eleições


    "Não autorizei", diz Luiz Castro sobre candidatura ao Senado pela Rede

    Na manhã desta quinta-feira (18), a suposta candidatura de Luiz Castro ao Senado Federal foi confirmada pelo presidente regional da Rede Sustentabilidade, o político, no entanto, nega qualquer acerto

     

     

    | Foto: Divulgação

    Manaus (AM) - O ex-deputado estadual Luiz Castro negou as informações de que estaria confirmado como pré-candidato ao Senado pelo Rede Sustentabilidade. Na manhã desta quinta-feira (18), o presidente regional da sigla, Tacius Fernandes, declarou que a decisão havia sido acordada em reunião da executiva. 

    Segundo Luiz Castro, que atualmente possui vínculo de trabalho com a Fundação Amazonas Sustentável (FAS), a Rede não possui aval dele para decidir tal assunto sem consultá-lo. 

    "Não autorizei dizerem que seria candidato pela Rede. Por sinal, estou chegando de viagem de trabalho técnico de monitoramento vacinal na Reserva de Desenvolvimento Sustentável do Rio Negro, do programa saúde na floresta da FAS, no qual atuo desde o ano passado", disse. 

    No último pleito nacional, Luiz Castro quase conseguiu vaga no Senado, porém ficou em terceiro lugar atrás de Eduardo Braga (MDB), por 0,79% dos votos. O político explica o que pode ter gerado a confusão de informações no partido, e além disso, reforça sua proximidade com a sigla PDT, partido com o qual mantém conversas avançadas.

    "O que houve é que fui comunicado pela direção da Rede de que poderiam me apoiar para o Senado, se assim eu decidisse. Porque antes o apoio era para uma candidatura a deputado federal. Mas eu não disse que teria aceitado essa nova proposta.  Eu dialogo com o PDT - que me fez esta proposta antes da Rede. Só vou definir, no fim deste mês em diante", pontuou. 

    Isso porque Luiz Castro, que também já ocupou cargo de Secretário de educação do Amazonas em 2019, recebeu convite do presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, para debater sua entrada no partido. O ex-deputado estadual finaliza reafirmando que não é pré-candidato pelo Rede. 

    "Não sou ainda pré-candidato. Há uma possibilidade real de que me torne, mas só pretendo definir e anunciar minha decisão após concluir meu vínculo atual com a FAS", concluiu. 

    Leia mais:

    "Definição está próxima", diz Luiz Castro sobre candidatura política

    Prefeitura de Manaquiri é questionada por licitação de motocicletas

    Aleam disponibiliza R$ 30 milhões de emendas para a LOA de Manaus