Fonte: OpenWeather

    Novo Caso


    Davi Alcolumbre testa positivo para novo coronavírus

    O senador esteve em Manaus na última quinta-feira (12), onde participou de uma coletiva de imprensa com o governador do Wilson Lima e outros políticos amazonenses

    O senador esteve em Manaus na última semana
    O senador esteve em Manaus na última semana | Foto: Divulgação/Semcom

    O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), testou positivo para o novo coronavírus. De acordo com a sua assessoria de imprensa, o resultado do exame saiu nesta quarta-feira (18). Alcolumbre, que já havia testado negativo para a doença, refez o teste na noite desta terça.

    Segundo a nota, Alcolumbre "está bem, sem sintomas severos, salvo alguma indisposição, e segue em isolamento domiciliar, conforme determina o protocolo de conduta do Ministério da Saúde e a OMS".

    O GLOBO apurou que Alcolumbre começou a sentir uma indisposição ainda na segunda-feira. Naquela tarde, ele participou de um encontro no Supremo Tribunal Federal (STF) com os chefes do Legislativo e do Judiciário para debater a crise do novo coronavírus.

    Além do presidente do Senado, estiveram na reunião os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do próprio Supremo, Dias Toffoli, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, o procurador-geral da República, Augusto Aras, e o advogado-geral da União, André Mendonça. A reunião também contou com a participação de outros ministros do STF, como o vice-presidente, Luiz Fux, e a presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Rosa Weber.

    Nesta quarta, além do presidente do Senado, dois ministros tiveram o diagnóstico de Covid-19 confirmados. São eles: o ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno, e o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque.

    Visita ao Amazonas

    O senador esteve em Manaus na última quinta-feira (12), onde tratou assuntos referentes à Zona Franca. Na reunião, várias personalidades da política amazonense estiveram presentes. Dentre eles, os senadores Eduardo Braga (MDB) e Omar Aziz (PSD); a deputada estadual Alessandra Campêlo (MDB); o deputado estadual Doutor Gomes (PP); o deputado estadual e presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas, Josué Neto (PSD) e o superintendente da Superintendência da Suframa, Alfredo Menezes. Todos eles mantiveram contato direto com Alcolumbre.