Fonte: OpenWeather

    Contexto


    CONTEXTO: Bolsonaro busca sigla, Cúpula do G20 e mais

    Leia agora as notas da Coluna Contexto desta quarta-feira (27)

     

    | Foto: Reprodução


    Em entrevista à Jovem Pan News, na manhã de ontem, diretamente de Manaus, o presidente da República, Jair Bolsonaro, declarou que poderá definir seu novo destino partidário nesta quinta-feira (28), antes de viajar para a reunião do G20 que acontecerá na cidade de Roma, na Itália.

    "Eu tenho que ter um partido de qualquer maneira. Eu não sei se vou disputar reeleição ou não. Hoje em dia está mais para o PP ou PL, me dou muito bem nos dois partidos. Fiquei no PP uns 20 anos, a decisão passa por aí", afirmou o presidente a Pan.

    Indeciso entre o PL e o Progressistas, Bolsonaro está mais para o PP, conforme consulta que fez à sua equipe ministerial que o aconselhou a optar pelo PP do chefe da Casa Civil do Palácio do Planalto, Ciro Nogueira.

    Mensalão no caminho

    Fontes disseram à coluna, após a entrevista de Bolsonaro à Jovem Pan, que o passado do presidente nacional do PL, Valdemar da Costa Neto, está pesando na balança para o Capitão evitar a legenda liberal.

    Durante a gestão Lula, Valdemar chegou a ser preso por envolvimento com o mensalão.

    Dizem as fontes que no PP Bolsonaro terá mais liberdade e poder para escolher candidatos de sua preferência em estados que ele considera estratégicos para seu projeto de reeleição.

    Mais vacinas

    Depois de cumprir agenda em Manaus com o governador Wilson Lima, o prefeito David Almeida e a comunidade evangélica, Bolsonaro voa hoje para Roma onde participará da Reunião de Cúpula do G20, juntamente com líderes dos 19 países mais ricos do mundo mais a União Europeia.

    O evento, programado para os dias 30 e 31 de outubro, vai focar saúde, comércio, clima, meio ambiente, produção de bioenergia e inclusão social. 

    Melhor acesso a vacinas contra a Covid-19 pelos países pobres é uma das prioridades da pauta de Roma.

    Bastidores quentes

    Foram quentes os bastidores da 1ª Consagração Pública de Pastores do Estado do Amazonas, que aconteceu ontem no Centro de Convenções Vasco Vasques e que teve no presidente Jair Bolsonaro a sua maior estrela.

    O Capitão desferiu petardos contra o comportamento da atual bancada evangélica no Congresso Nacional. “O povo pode colocar na balança e, se for preciso renovar, que o faça”, disse o Capitão, com a experiência de quem passou 28 anos convivendo com a sagacidade evangélica no Congresso.

    Silas se rói

    Em discurso, o prefeito  David Almeida destacou o apoio do Governo Federal  à cidade de Manaus e manifestou  solidariedade ao ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello,  que chegou a ser execrado publicamente, mas prestou relevante serviço à cidade enquanto esteve à frente do MS.

    O ponto hilariante foi quando David jogou confetes no Coronel Menezes, agradecendo por seu apoio à Administração Municipal. Nesse momento, o deputado federal Silas Câmara, sentado na terceira fila, se roeu todo, fazendo cara de poucos amigos.

    Papel das igrejas

    Silas Câmara também fechou a cara para o discurso do governador Wilson Lima durante a Consagração de Pastores.

    Sem dar bola ao comandante do Republicanos, Wilson destacou o papel social das igrejas no país e agradeceu ao presidente Bolsonaro por toda a ajuda do Palácio do Planalto ao Amazonas.

    Tiro pela culatra

    Um líder evangélico, aliado do governador, lembrou à coluna um episódio ocorrido em agosto passado, quando Silas Câmara tentou monopolizar a visita do ministro da Educação, Milton Ribeiro, a Manaus.

    Silas não queria Wilson Lima na agenda e fez tudo para que este não participasse de um evento na Faculdade Boas Novas, administrada pela Assembleia de Deus. Mas, a urdidura acabou vazando. 

    Ao saber do jogo solerte, o presidente Bolsonaro deu ordem ao ministro para cumprir sua agenda em Manaus em perfeita sintonia com Wilson Lima. O tiro de Silas saiu pela culatra.

    Policiais comemoram

    Verdadeira festa de policiais nas redes sociais após a Assembleia Legislativa do Estado (Aleam) aprovar, em sessão que se estendeu até às 15h30m de ontem, a Mensagem Governamental n. 115/2021 que alterou a Lei n. 3.498, de 19 de abril de 2010.

    Em notas à coluna, os deputados Belarmino Lins (PP), Cabo Maciel (PL) e Sinésio Campos (PT) destacaram a aprovação unânime da regra que estabeleceu, de 28 para 35 anos, o limite de idade para o ingresso, por concurso público, na Polícia Militar do Amazonas.

    UTIs no interior

    De acordo com o deputado federal Átila Lins (PP-AM), já se encontram depositados na conta do Governo do Amazonas recursos da ordem de quase R$ 5 milhões para serem aplicados na implantação de Unidades de Tratamento Intensivo (UTIs) nos Hospitais Regionais de Lábrea, Tefé, Tabatinga e Humaitá.

    Os recursos são oriundos de emenda parlamentar de autoria do deputado progressista. “Em breve, vamos inaugurar as UTIs, importantes instrumentos de atendimento de urgência hospitalar”, disse ele à coluna.

    Golpes na praça

    A Processamento de Dados Amazonas S.A (Prodam) alerta a população sobre tentativas de fraudes promovidas por golpistas que, passando-se por funcionários da empresa, estão abordando clientes e induzindo-os ao pagamento de cobranças indevidas.

     O golpe começa com o envio de uma mensagem de texto para o celular da vítima, alegando que uma dívida foi enviada para protesto por causa de uma quebra de acordo no contrato. 

    Em tom ameaçador, o texto ainda informa que a pessoa/empresa sofrerá ações extrajudiciais ou terá o débito protestado, e termina com uma suposta proposta de negociação, inclusive apresentando valor, telefone para contato e o nome de uma falsa empresa de cobrança.

    Alerta geral

     A Prodam esclarece que somente empregados da sua gerência de cobranças, devidamente identificados, estão autorizados a realizar qualquer tipo de cobrança em nome da empresa.

     Em caso de dúvidas, a Prodam orienta entrar em contato com um dos canais oficiais da Empresa: E-mail: [email protected]; telefone: 2121-6490, ou site www.prodam.am.gov.br    

    Manaus x Tombense

    Segundo o Governo do Estado, será permitido apenas 50% de público presencial na Arena da Amazônia no jogo entre Manaus e Tombense (MG), programado para sábado (30). 

    A partida é válida pelo Campeonato Brasileiro Série C e deverá contar com a presença de até 22.150 torcedores, seguindo as regras de controle sanitário.

    Mapa da fome

    Candidato às prévias do PSDB, que acontecerão em novembro, o diplomata Arthur Neto diz que o Brasil necessita de um urgente plano de recuperação econômica para aplacar o grave quadro de miséria que assola grande parte da população brasileira.

    Com base em dados da Rede Brasileira de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional (Rede Penssan), Arthur afirma que a fome já atingiu 19 milhões de pessoas e outras 116,8 milhões convivem com algum grau de insegurança alimentar.

    Soma-se a isso o índice de 14,1 milhões de brasileiros desempregados, a maior taxa desde 2012, conforme o IBGE.

    Nova Frente

    Com adesão inicial de 26 senadores e 7 deputados, foi instalada ontem a Frente Parlamentar de Recursos Naturais e Energia (FPRNE). O senador Jean Paul Prates (PT-RN) foi eleito presidente do grupo, que terá como vice o deputado Lafayette de Andrada (Republicanos-MG). 

    A frente foi criada para promover debates, incentivos e propostas legislativas sobre políticas que estimulem o uso sustentável dos recursos e a geração e o consumo responsável de energia de todas as matrizes.

    Leia mais:

    EDITORIAL: A Zona Franca de Manaus é um sucesso

    EDITORIAL: O Refis Municipal

    CONTEXTO: PCC aumenta poder na fronteira, auxílio emergencial e mais