Fonte: OpenWeather

    Política


    Ministro promete ampliação do programa Luz para Todos no AM

    Edison Lobão disse que o programa deverá atender este ano 13.905 famílias no Estado – foto: Antonio Cruz/ABr
     
     
     
    O ministro das Minas e Energia, Edison Lobão, recebeu nesta quarta-feira (30) uma comitiva de 22 prefeitos do interior do Amazonas que reivindicam a ampliação do programa Luz para Todos.
    Segundo o senador Eduardo Braga (PMDB), que intermediou a reunião, a preocupação dos gestores se concentra no curto prazo para a liberação de recursos para os contratos vigentes do Programa que se encerra no próximo mês de março e o risco de várias comunidades ribeirinhas não serem beneficiadas.
    “Os prefeitos aqui estão ansiosos para saber se os contratos serão estendidos para alcançar novas comunidades onde ainda não tem energia elétrica. Sabemos que o programa já beneficiou várias famílias no Estado, mas o desafio agora é chegar aos lugares mais distantes e de difícil acesso”, explicou o senador.
    Em resposta, o ministro Edison Lobão disse que a meta para o Amazonas até 2010, quando o programa deveria ter sido concluído, era atender 81 mil famílias, sendo atendidas efetivamente 83 mil.
    Ele esclareceu que o programa será estendido até o ano de 2014 para atender a famílias sem energia elétrica identificadas no último censo do IBGE.
    “O Amazonas foi onde o governo federal mais investiu recursos em energia elétrica. Fizemos o gasoduto Coari-Manaus e agora estamos concluindo o Linhão de Tucuruí, que vai interligar o Estado ao sistema elétrico nacional. É uma região que, por suas características geográficas peculiares, oferece muitas dificuldades para a instalação dos equipamentos necessários ao fornecimento de luz, mas nem por isso estamos deixando de atender a população”, disse Lobão.
    Ele também informou que a meta do programa Luz para Todos para o Amazonas é atender, no ano de 2013, 13.905 famílias. Para 2014, a meta é fazer mais 14,9 mil ligações.