Fonte: OpenWeather

    Impasse


    Vídeo: Coari segue sem prefeito com a prisão de Adail

    Nome cotado para assumir a prefeitura está sendo debatido na Prefeitura de Coari

    Com a prisão Adail Filho, Coari está sem prefeito. | Foto: Divulgação

    Manaus - Com a prisão Adail Filho, prefeito do Município de Coari, município a 363 de Manaus está impedido de exercer o cargo. E sem sua vice-prefeita e irmã, Mayara Pinheiro, que atualmente é deputada estadual, a cidade está sem comandante.

    Na linha de sucessão estaria disposto a assumir o cargo, Keiton Batista presidente da Câmara que também foi preso nesta quinta-feira (26).

    O atual sucessor natural do prefeito é o procurador-geral do Município, Alberto Lúcio de Simonetti Filho, que está em Manaus tratando problemas de saúde.

    E a responsabilidade para assumir a prefeitura ficou cotada para Bruno Gomes Pires, atualmente secretário municipal da Casa Civil no ano anterior por meio de uma alteração realizada na Lei Orgânica do município.

    Bruno Pires foi secretário de Fazenda, passou pela Procuradoria-Geral de Coari, ele também trabalhou na Prefeitura de Manaus, como assessor jurídico da Manauscult.

    O nome cotado para assumir a prefeitura está sendo debatido na Prefeitura de Coari e Bruno Pires está empossado poderá nomear o novo prefeito, indicando um novo procurador-geral do Município.

    A legislação prevê cassação de mandato se o político for condenado por tribunal colegiado. O Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), do qual saiu a ordem de prisão para Adail Filho, preencheria esse papel.

    Assista à reportagem da TV Em Tempo:

    Assista a reportagem | Autor: Alex Costa/ TV Em Tempo