Fonte: OpenWeather

    Combate à Corrupção


    Dom Sérgio Castriani pede que vereadores não aumentem seus salários

    Foi um reforço ao pedido já feito à CMM, feito pelo Comitê Amazonas de Combate à Corrupção e Caixa Dois

    Pedido do arcebispo emérito de Manaus leva em consideração a situação dos mais pobres, mais afetados pela pandemia | Foto: Arquivo Em Tempo

    Manaus - Membro do Comitê Amazonas de Combate à Corrupção e ao Caixa Dois Eleitoral, o arcebispo emérito de Manaus, Dom Sérgio Castriani, enviou, nesta segunda-feira (20), mensagem à Câmara Municipal de Manaus (CMM). Nela, ele pede aos vereadores que deem sua colaboração no combate à crise econômica que atinge a população manauara, deixando de reajustar seus salários.

    Argumenta trecho do texto do arcebispo: "Não me parece justo que a sociedade venha ser onerada por possíveis perdas salariais dos senhores e das senhoras. Politicamente perante à população, ficaria mais bonito não votar qualquer aumento", afirma.

    Ao se manifestar sobre o assunto, Dom Sérgio Castriani, reforça o pedido feito pelo Comitê Amazonas de Combate à Corrupção e Caixa Dois, encaminhado na semana passada, à Câmara de Manaus por meio do ofício 06/2020 CCC2, com o objetivo de não reajustar salários na aprovação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) a ser votada ainda este ano, para vereadores, secretários, prefeito e vice, referente ao exercício de 2021.

    O arcebispo emérito de Manaus, Dom Sérgio Castriani faz apelo em defesa dos mais pobres aos parlamentares do município. "Apelo aos seus sentimentos cristãos e ao respeito que vocês têm pela população mais pobre que não recebe, ou se recebe é o mínimo, nenhuma ajuda do Poder Público", disse Castriani na carta.


    *Com informações da assessoria