INTERIOR


Roberto Cidade denuncia descaso com o Porto do município de Borba

Deputado disse que os improvisos no porto da cidade cola em risco a vida de crianças e idosos borbenses

População de Borba está preocupada com uma possível tragédia no porto da cidade | Foto: Divulgação

Manaus - O deputado Roberto Cidade (PV) denunciou, nesta terça-feira (4), na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), o descaso com o porto de embarque e desembarque de passageiros em Borba. Com um vídeo apresentado no plenário, o parlamentar demonstrou a dificuldade e risco que os moradores e visitantes enfrentam tanto para sair, quanto para entrar na cidade.

“É lamentável a situação que o povo de Borba vive com a questão do Porto. Estão improvisando, tendo que passar por uma prancha, e isso coloca em risco a vida de idosos, crianças e todos que precisam utilizar o porto da cidade”, criticou.

Roberto Cidade disse ainda que não dá para esperar uma emenda; justificativa essa apresentada pelo município. Segundo ele, é preciso que a prefeitura municipal tome as devidas providências de forma urgente.

“Eu soube que está prevista uma emenda para atender essa demanda, no entanto, é preciso que o prefeito autorize o serviço imediato, para atender a população, antes de acontecer alguma tragédia. Nós já soubemos de acidentes fatais aqui no porto de Manaus e não está longe de acontecer o mesmo em Borba, nas condições que se encontra o porto”, colocou.

Pedido de socorro

A população borbense procurou o deputado Roberto Cidade em busca de socorro, uma vez, que a administração da cidade fecha os olhos para o problema. “O embarque e desembarque das pessoas é uma grande preocupação, pois é preciso enfrentar a prancha para terem acesso às embarcações com destino a Manaus e o prefeito não faz nada”, disse.

Roberto Cidade lembrou ainda que desde o ano passado vem cobrando sobre a situação dos portos dos municípios do Amazonas e que novamente buscará o Departamento Nacional de Infraestrutura e Transporte (DNIT) para saber em pé estão as licitações dos portos de Borba e outros municípios.


*Com informações da assessoria