Zona Rural de Manaus


David e Rotta vão garantir escoamento da produção de agricultores

Com a criação da Secretaria Municipal de Produção Rural, os candidatos devem promover infraestrutura e acessibilidade aos agricultores

Na gestão de David e Rotta, os riscos com a perda de produtos devem ser sanados a partir de 2021
Na gestão de David e Rotta, os riscos com a perda de produtos devem ser sanados a partir de 2021 | Foto: Divulgação

Manaus - Em visita ao ramal do Areal 2, no bairro Jorge Teixeira, Zona Leste, o candidato a vice-prefeito pela coligação Avante Manaus, Marcos Rotta (DEM), afirmou o compromisso da chapa com a garantia do  escoamento da produção dos pequenos agricultores da Zona Rural da capital amazonense. 

De acordo com Rotta, caso a chapa seja eleita, a Prefeitura deve criar a Secretaria Municipal de Produção Rural e trabalhar, no primeiro momento, focada no asfaltamento e revitalização de ramais e vicinais a partir de 2021.

O ramal, localizado na comunidade Nova Esperança, é um dos maiores produtores de verduras e hortaliças de Manaus, porém sofre com falta de infraestrutura e acessibilidade, o que dificulta a vida das pessoas que vivem da agricultura familiar.

Sem uma infraestrutura de qualidade, os produtores são impedidos de investem mais na produção por conta dos altos riscos da perda dos produtos. 

“Muitas famílias sofrem com a falta de acesso e infraestrutura na Zona Rural. Essa dificuldade do escoamento da produção é uma realidade da maioria dos agricultores familiares de Manaus. Com a experiência que o David e eu temos na gestão pública, vamos criar a Secretaria Municipal de Produção Rural e dar um tratamento diferenciado aos produtores, para abastecer os consumidores manauaras e, em especial, reforçar a regionalização da merenda escolar”, afirmou Rotta. 

Os candidatos também devem priorizar a compra dos itens produzidos pelos agricultores familiares
Os candidatos também devem priorizar a compra dos itens produzidos pelos agricultores familiares | Foto: Divulgação

Segundo o vice-prefeito, a Prefeitura irá abrir tanques nas propriedades próximas, a fim de estimular a criação de peixes e assegurar o abastecimento do mercado local, reduzindo a importação de pescado em Manaus.

Entre as ações previstas no Plano de Governo, está o incentivo à expansão dos criatórios de peixes para consumo em Manaus, fortalecimento de parcerias de apoio técnico com universidades e institutos de pesquisa da pesca e da piscicultura como a Embrapa, para viabilizar o aumento efetivo da produtividade.

PAA Municipal

Na gestão de David e Rotta, a Prefeitura de Manaus deverá instituir um Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), para garantir a compra dos itens produzidos pelos agricultores familiares.

Os produtos vão passar a ser comprados pelo Executivo, para compor o cardápio da merenda escolar.

“Precisamos não só dar condições de produção e escoamento, mas devemos ajudar a garantir a compra. Assim, os agricultores terão renda garantida para reinvestir em seus empreendimentos, e as escolas serão abastecidas com alimentos de qualidade”, finalizou o vice prefeito.

*Com informações da assessoria 

Leia Mais: 

David vai incentivar produção de alimentos na Zona Rural de Manaus

David propõe parcerias com indústrias para capacitação de jovens

David promete implantar programa de pós-graduação para os professores