Fonte: OpenWeather

    Falta de Internet


    Deputado pede que DPE notifique a Claro por desserviços em Fonte Boa

    Segundo Belarmino, a falta de internet tem resultado em prejuízos ao comércio do município

    De acordo com o parlamentar, se baseia em informações repassadas por lideranças políticas
    De acordo com o parlamentar, se baseia em informações repassadas por lideranças políticas | Foto: Divulgação

    Manaus - Em moção de apelo, aprovada pelo plenário da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), o deputado Belarmino Lins (PP) pediu que a Defensoria Pública do Estado (DPE-AM) notifique a operadora Claro em razão dos desserviços prestados pela a empresa no município de Fonte Boa (678 quilômetros de distância de Manaus), no Alto Solimões.

    O apelo à DPE, de acordo com o parlamentar, se baseia em informações repassadas por lideranças políticas e por diversos cidadãos usuários de Internet em Fonte Boa.

    “Afirmamos que passam dos limites do bom senso os desserviços da Claro no município, minha terra natal”, disse o deputado.

    Diariamente chegam ao gabinete do parlamentar,  reclamações de cidadãos insatisfeitos com os serviços oferecidos pela empresa, o que tem resultado em prejuízos ao comércio, ao funcionamento dos órgãos públicos, aos serviços bancários e ao povo de um modo geral.

    “Por isso, resolvemos encaminhar Moção de Apelo à DPE, na pessoa do doutor Ricardo Paiva, para que notifique a Claro a fim de que essa operadora adote medidas urgentes visando o restabelecimento da qualidade dos seus serviços em Fonte Boa”, destaca o líder progressista.

     *Com informações da assessoria 

    Leia Mais: 

    Deputado vai propor suspensão de dispositivo para 'destravar' Aleam

    Após adiamentos, prorrogação da CPI é descartada na Aleam

    Belarmino Lins repudia associação do seu nome à ‘lista’ suspeita